29 de dez de 2008

FEEB COMEMOROU 93 ANOS COM PALESTRA DE DIVALDO FRANCO

Os 93 anos de fundação da Federação Espírita do Estado da Bahia (FEEB) foram comemorados dia 25, às 10 horas, com palestra proferida pelo médium e conferencista baiano Divaldo Pereira Franco, sendo transmitida para todo planeta pela WEBTVCEI - canal 2, com mais de 1.200 acessos do Brasil e outros países. O Evento contou com a apresentação de Limiro José da Rocha Besnosik, assessor de comunicação, o coral Encontro de Luz deu o toque artístico com belas harmonias; as boas vindas esteve a cargo de Creuza Santos Lage, diretora presidente; a prece foi feita por João Neves da Rocha, presidente do conselho deliberativo; Divaldo Pereira Franco falou sobre a proficiência de Jesus e a prece final foi proferida por Marcel Cadidé Mariano, diretor de integração federativa.

A Diretoria agradece a todos que colaboraram e contribuiram para o acontecimento. Aqueles que quiserem adquirir o DVD da palestra contatem a Fundação José Petitinga - fones (71)3351-3220/3359-3323. A FEEB foi fundada em 25 de dezembro de 1915, com o nome de União Espírita Baiana, por um grupo de pioneiros, tendo à frente José Florentino de Sena, que passou à história do movimento espírita brasileiro como José Petitinga. Sociedade civil, reconhecida de Utilidade Pública estadual e federal, a instituição possui certificado de fins filantrópicos (Conselho Nacional de Assistência Social do Ministério da Previdência e Assistência Social) e é registrada no Conselho Municipal de Assistência Social de Salvador.

Parabéns a FEEB pelo seu aniversário.

24 de dez de 2008

MENSAGEM DE NATAL - CHICO XAVIER


Senhor Jesus!... Ante o Natal que nos refaz na Terra o mais formoso dia, somos gratos a todos os irmãos, que te festejam, entrelaçando as mãos nas obras do progresso. Vimos também trazer-te a nossa gratidão pela fé que acendeste em nosso coração. Mas, se posso, Jesus, desejo expor-te o meu pedido de Natal; Falando de progresso, rogo-te, se possível, guiar os homens e as mulheres, sejam de qualquer nível, para que inventem, onde estejam, novos computadores que consigam contar as crianças que vagam nos caminhos, sem apoio e sem lar, e os doentes cansados e sozinhos, presos no espaço de ninguém, para que se lhes dê todo o amparo do Bem. Auxilia, Senhor, a humana inteligência a fabricar foguetes dentro de segurança que não erra, que possam transportar remédio, alimento e socorro, onde a dor apareça atribulando a Terra. Que o mundo te receba as bênçãos naturais doando mais amor aos animais, que nunca desampare as árvores amigas, não envenene os ares, nem tisne as fontes, nem polua os mares, que o ódio seja, enfim, esquecido, de todo, que a guerra seja posta nos museus, que em todos nós impere o imenso amor de Deus. Que o teu Natal se estenda ao mundo inteiro e que, pensando em teu amor, de cada amanhecer que todos resolvamos a fazer um dia novo de Natal... E que, encontrando alguém, possamos repetir, tocados de alegria, de paz, amor e luz: Companheiro, bom dia, hoje também é dia de Jesus. (Mensagem recebida por Francisco Cândido Xavier, no Grupo Espírita da Prece, em reunião pública da noite de 25 de setembro de 1982, em Uberaba - MG)


FELIZ NATAL E UM ANO DE 2009 DE MUITA LUZ, PAZ E SAÚDE, SÃO OS DESEJOS DO CR-15 E DA FEEB.

22 de dez de 2008

VANDILSON FAZ PALESTRA NO CRUZADA DO BEM - JACOBINA

O palestrante Vandilson Soares, a convite da União Espírita de Jacobina (UEJ), proferiu palestra doutrinária no Grupo Espírita Cruzada do Bem, no sábado, dia 20, as 20hs., abordando o tema: OBRIGADO MESTRE JESUS. Sensível e esclarecedora foi a palestra de nosso companheiro de Salvador. Apesar de toda a divulgação, em jornais, internet (e-mail), rádio, a presença de público, inclusive espírita, foi aquém do esperado. Poucas pessoas encarnadas puderam ouvir tão bela exposição.


No dia seguinte, domingo, Vandilson participou ao vivo na Jacobina FM (99.1), de programa especial de Natal, a convite daquela emissora, durante a 21ª Semana Espírita, ocorrida em fins de novembro (veja post anterior), onde por cerca de 3 horas discorreu sobre assuntos natalinos e existenciais, na visão espírita, atendendo aos muitos ouvintes que ligaram durante o programa, este conduzido pelos radialistas Geraldo Oliveira e Ubirajara Santos.


Vandilson Soares pode ser contactado pelo site: http://www.mudarminhavida.com.br/


Ainda mantém semanalmente programa nessa emissora, denominado Palavra Amiga. Escreva para o Terapeuta Vandilson Soares e ouça a resposta para seus questionamentos todas as sextas, às 18h na rádio Jacobina FM/Ba (http://www.jacobinafm.com.br/). Seu nome será sempre preservado.
Ouça a rádio Jacobina FM › Envie suas perguntas para mudarminhavida@gmail.com

11 de dez de 2008

XXI SEMANA ESPÍRITA DE JACOBINA FOI UM SUCESSO....

Realizou-se com grande sucesso, no período de 26 a 30/11/2008, a 21ª Semana Espírita de Jacobina, evento tradicional na cidade e região, promovido anualmente pela União Espírita de Jacobina (UEJ), com apoio da Federação Espírita do Estado da Bahia (FEEB), do Conselho Regional 15 (CR-15) e das casas espíritas locais.
O evento, realizado no auditório da ACIJA, teve como tema central "O Homem de BEM". Os expositores que abordaram temas relacionados ao central, foram, na ordem:


Edvaldo Veloso, quarta, 26, abriu a Semana com o tema Amor, Moral e Ética, Caminhos para a Felicidade. Na quinta, 27, foi a vez de Vandilson Soares (foto abaixo, à direita), explanando sobre o tema Muitos são os Chamados, Poucos os Escolhidos. Sexta, 28, o tema abordado foi Caridade e Jesus, proferida por Naná Rapadura. Sábado, 29, foi a vez de Danilo Cruz abordar a temática O Espírita e a Construção de Um Mundo Melhor. Encerrando a XXI Semana Espírita, com o tema central, esteve conosco o palestrante Fabrício Simões (foto abaixo à esquerda).

















Além das palestras, também tivemos a 21ª Feira do Livro Espírita e a 5ª Semaninha Espírita, além da venda de salgados e doces na cantina e artesanato pelas senhoras da manjedoura. Durante as cinco noites, antecedendo as palestras, aconteceram momentos musicais, com belas canções interpretadas por cantores locais, além da apresentação de dança coreografada por jovens. No domingo, 30, a tarde, foi exibido o filme "Bezerra de Menezes: o Diário de Um Espírito", sucesso do cinema nacional, primeiro filme espírita, que já levou mais de 400 mil expectadores as salas de cinemas em todo o Brasil.
Ano que vem tem mais.
A 22ª Semana Espírita acontecerá de 25 a 29/11/2009, e terá como tema central: O Espiritismo e a Educação dos Sentimentos. A UEJ informa que o palestrante Rui Diamantino, de Salvador, já confirmou presença no evento 2009. Até lá então.

Algumas imagens do evento:


































ATA DA REUNIAO PLENARIA DO CONSELHO FEDERATIVO ESTADUAL (CFE) – NOVEMBRO 2008


Aos 29 (vinte e nove) dias do mês de novembro do ano de 2008 (dois mil e oito), no período das 14 (quatorze) às 17 (dezessete) horas, na sede Central da Federação Espírita do Estado da Bahia foi realizada a reunião plenária anual do Conselho Federativo Estadual (CFE). A reunião foi bastante concorrida, com a presença de 62 participantes, que se envolveram nas discussões e deram colaboração efetiva para o aperfeiçoamento da Unificação no estado da Bahia. Ao final todos se mostraram satisfeitos com a condução e desenvolvimentos dos trabalhos. Na seqüência apresentamos os principais itens discutidos na reunião. A pauta da reunião (previamente informada a todas as Casas Espíritas que compõem o Conselho Federativo Estadual) constou dos seguintes itens:
1) Plano de Trabalho do Movimento Espírita; 2) Regionalização Espírita; 3) Rede Jurídica Espírita; 4) Caravana Baiana da Fraternidade; 5)Encontros Macrorregionais; 6)Encontro de Dirigentes Espíritas; 7) Avaliação do XIII Congresso do Estado da Bahia; 8) Agenda Federativa; 9) Regimento dos Conselhos Federativos; 10) Eleições FEEB 2009.
Toda a pauta foi cumprida e a reunião ocorreu em clima de paz e fraternidade. A reunião foi aberta com prece de João Neves da Rocha, presidente do CFE, que logo em seguida fez saudação aos presentes, e, com o intuito de orientar os participantes da reunião, projetou as competências do CFE, de acordo com o Artigo 55 do Estatuto e com o Regimento. No passo seguinte, João apresentou dados estatísticos da evolução da adesão e da adimplência, no período 2006 a 2008, cujos resultados são os seguintes:
1) Adesão: Capital: 91 adesos de um total de 180 (percentual de adesos: 51%); Interior: 177 adesos de um total de 387 (44,6%). Número de adesões no período 2007/2008: 15, sendo 3 na Capital e 12 no Interior. Aberta a discussão sobre esses dados, João Neves da Rocha, provocou os participantes para estabelecerem uma meta: todos acharam que é possível alcançar um número maior de adesões. Riana, da cidade de Senhor do Bonfim, argumentou que uma das dificuldades da adesão é a contribuição financeira, que pesa bastante para os Centros Espíritas pequenos situados em cidades pobres. Muitos discordaram de Riana. José Luiz Bezerra propôs que se estudasse uma forma de adesão que fosse mais rápida e que os Centros Espíritas fossem considerados adesos desde o momento do pedido. Allan Kardec da cidade de Vitória da Conquista colocou o seu pensamento de que existem adesões de fato e de direito e que a adesão “de fato” está em primeiro lugar. João Oliveira, da Cidade de Baixa Grande afirmou que a Unificação deve ser de propósitos e que, neste sentido, todos os Centros do CR 22 são adesos e possuem programa de rádio. 2) Adimplência: na Capital, caiu de 52% (em 2006) para 40%, em 2007, voltando a subir para 54% em 2008. No Interior, caiu de 71%, em 2006, para 58% em 2007, voltando a subir para 67%, em 2008. Ao ser perguntado se ainda é possível pagar mensalidades com notas fiscais, Creuza Lage esclareceu não ser mais possível este procedimento, tendo em vista as normas do Governo do Estado, patrocinador do Programa Sua Nota é um Show de Solidariedade. Introduzindo novo assunto, Creuza Lage, a Diretora Presidente da FEEB, apresentou dados numéricos dos Encontros Macrorregionais. No tema Regionalização Espírita, João Neves da Rocha, esclareceu que a Diretoria Executiva e o Conselho Deliberativo tem acatado pequenas alterações encaminhadas pelos Conselhos interessados nesses ajustes. No tema Agenda Federativa 2009, todos opinaram livremente, ficando assim construído o calendário dos eventos principais: – Caravana Baiana da Fraternidade: serão realizadas até o mês de junho. Encontros Macrorregionais: Salvador e Região Metropolitana: 27 e 28 de junho; Sudoeste: 11 e 12 de julho; Sertão: 25 e 26 de Julho; Oeste: 01 e 02 de Agosto; Recôncavo: 15 e 16 de Agosto; Chapada Diamantina: 19 e 20 de Setembro; Sul: 03 e 04 de Outubro; Norte: 17 e 18 de outubro. Encontro de Dirigentes Espíritas: 21 e 22 de Novembro. O próximo tema apreciado foi o XIII Congresso Espírita do Estado da Bahia, o qual teve ampla participação. Foram levantadas as seguintes opiniões críticas: a) faltou Ciência, na programação; b) o som de platéia interfere no balcão e vice-versa; c) falhas técnicas nos equipamentos; d) Não-recebimento antecipado da programação; pouca disponibilidade e informações sobre locais de refeições; Agregação do público por área de interesse; Após esses pronunciamentos, João Neves da Rocha, informou que fez pesquisa de opinião com diversas pessoas e estas expressaram grande satisfação com a programação e com a abordagem feita pelos palestrantes, de modo geral. Concluída a avaliação do Congresso, Conceição, Assessora jurídica da FEEB foi convidada a discorrer sobre a Rede Jurídica (REJUR), Projeto que ela está coordenando e conduzindo sua implementação gradual. O tema seguinte foi o Regimento dos Conselhos Federativos. Conceição informou que encaminhou ao Conselho Deliberativo projeto de reformulação do Regimento atual. Creuza Lage expressou a sua preocupação e indignação com o fato de ainda existir coordenadores de CR/CD que faz oposição à diretoria da FEEB e, em função disto, propôs uma nova sistemática eleitoral: os Conselhos elegem uma lista tríplice de candidatos a Coordenador e a Administração da FEEB escolhe um deles entre os indicados. Creuza propôs, ainda, antecipação das eleições dos Conselhos para o mês de maio e também que fosse facultado à administração da FEEB o direito de aplicar sansões a coordenadores que dessem motivos para tal. O Presidente do CFE, João Neves da Rocha, disse que poderia concordar com a lista tríplice, mas não com a aplicação de sansões. Ainda no tema, Gilberto, Coordenador do CR 03, queixou-se de ter sofrido oposição sistemática quando assumir o Conselho (já contornada) e que o regimento deve ser revisto a fim de que possamos ampliar a unificação. No sentido de fechar a questão do Regimento, João Neves da Rocha, como presidente do CFE, encaminhou a seguinte proposta, que foi aprovada: A Diretoria Executiva da FEEB envia a todos os CDs e CRs cópia do Projeto elaborado sob a coordenação de Conceição (CD-4); estes Conselhos examinam o projeto e apresenta sugestões à FEEB até o final de Janeiro de 2009; a partir de Fevereiro de 2009, o Conselho Deliberativo aprecia as sugestões e consolida um novo anteprojeto que reenvia aos CRs e CDs para apreciação, Cabe ao Conselho Deliberativo a aprovação final, conforme o Estatuto. O próximo tema foi Eleições FEEB 2009. João Neves da Rocha deu conhecimento ao plenário que o tema já começou a ser ventilado nas reuniões do Conselho Deliberativo, onde, na última reunião, foi criado um Grupo para trabalhar o assunto junto aos associados da FEEB. O Último assunto ficou por conta de Allan Kardec, da Cidade de Vitória da Conquista, que, à pedido de Creuza, explicou o projeto que a Casa por ele dirigida está implementando no Cr 10: a criação de novas Casas espíritas em Cidades que as não possuem. Trata-se de um projeto em rede, em que as Casas criadas teriam autonomia e administração própria. Concluída a pauta, o Presidente do CFE, solicitou a Edinólia que fizesse a prece de encerramento, após o que foi encerrada a reunião e eu, Luciano Crispim, secretário ad hoc, lavrei a presente ata que dato e assino com o Presidente do Conselho Federativo Estadual e a Diretora Presidente da FEEB.

Salvador, 29 de novembro de 2008

Luciano Crispim de Jesus– Secretário ad hoc

João Neves da Rocha – Presidente do CFE
Creuza Santos Lage – Diretora Presidente da FEEB

8 de dez de 2008

MUDA OU ACABA - ARTIGO

Elis Regina, em a música Como nossos pais, de Belchior, expressa: “É você que ama o passado e que não vê que o novo sempre vem...”, remetendo-nos a incontida onda sempre existente de que as resistências ao novo são por si só inócuas, pois o novo sempre chega, inclusive nas religiões.É certo que, não há muito, se diagnosticava sobre o fim das religiões; no entanto, temos visto uma espécie de reavivamento do fervor religioso acompanhado por uma diversificação das práticas, em uma espécie de atualização da sintonia, em busca do que os fiéis esperam, querem. Por esta razão, as religiões neopentecostais têm tido um grande incremento de seus seguidores. Elas estão, vão aonde o seu povo está, em seus anseios e necessidades.Se é certo este aumento, por outro lado, aquelas religiões que insistem em suas pregações meramente sectárias, proselitistas estão, sem sombra de dúvidas, a caminho do emboloramento de seus púlpitos, pela não renovação de suas pregações e estilo de comunicação com as necessidades de seus fiéis.A face do nosso mundo tem mudado muito rapidamente nos últimos cinqüenta anos. O atual estado mundial de globalização engendrou uma nova ordem e um contexto cultural que tem sido entendido como uma nova condição de exercício da humanidade: condição pós-moderna. E, nessa condição, não cabem as mesmas propostas de sempre, como base em uma religião de opressão, medo e cultivo da dor como forma de elevação e gozos futuros. As pessoas estão imediatistas, inclusive, no encontro do “céu” aqui e agora.Assim, as religiões que teimam em não atualizar a sua comunicação com as massas estarão fadadas a uma não renovação de seus quadros, de seus pregadores e, conseqüentemente, ao seu abandono.A Igreja Católica insiste em não aceitar casamento dos seus clérigos, logo muitos deles vivem uma vida dupla, quando não se perdem nas torpezas de suas distorções sexuais. A vocação sacerdotal está em xeque, em decréscimo constante.O Espiritismo insiste em um “eruditismo” que não acrescenta nada às dores dos que querem consolo, alento. O novo imita o antigo, não se renova em trilha de novos estilos. Resultado: não se vê renovação de seus quadros de pregadores, logo são sempre os mesmos que estão envelhecendo e não atraem mais jovens, entusiastas, pois a sua doutrina, pregação não encanta, não arrebata. São catequeses pesadas, chatas e sem atrativo para a geração do Google, da busca automática, imediata.Recentemente, os judeus de Jerusalém deram sinal de que também buscam mudanças, pois elegeram como seu prefeito um judeu laico, desbancando um ultra-ortodoxo, que vivia para orar e a expensas do Estado de Israel. Vemos que, historicamente, o medo tem a função de bloquear os comportamentos, de gerar um imobilismo. Logo, os “líderes” religiosos, ainda que guardem o respeito de seus seguidores antigos, temem a perda de posições e “prestígios” diante do novo, da renovação. Todavia, já se percebem as transformações engendradas pela pós-modernidade na religião, como condição de possibilidade de uma nova perspectiva, de um contexto mais próximo do humano, a partir do qual novos desafios epistemológicos ganham corpo e esperam novas formulações, ou isto acontece ou inexoravelmente algumas religiões serão apenas lembranças históricas de seus bons idos tempos de empolgação e agregação de fiéis.

José Medrado é médium, fundador e presidente da Cidade da Luz

UM PASSO DE CADA VEZ - MENSAGEM

Quanto estiveres diante de um grande objetivo, caminha em sua direção, mas dá um passo de cada vez para que a construção seja sólida e segura. Por mais urgente que seja a solução dos problemas, cuidado para não atropelar os passos e cair na primeira esquina. Os desafios estão aí para testar a tua coragem, força e perseverança. Mas não apressa o carro. Deixa que as energias antes paradas se movimentem por si só inspiradas pela tua boa vontade e pelas tuas ações.
Tudo se acomodará, tudo se encaixará perfeitamente como pedaços de um quebra-cabeça que depois de pronto mostrará a sua verdadeira face, aquela que estás construindo. Se a construção é para o bem, arregaça as mangas e continua o trabalho com fé, acreditando em si e no resultado da tua obra.
Utiliza a calma como parceira do dia-a-dia. Prossegue a passos firmes, mas serenos na busca dos teus ideais que eles chegarão infalivelmente. E a cada amanhecer, procura te irmanar com a natureza, com a beleza das paisagens que te cercam, a te inspirarem para as melhores realizações e os melhores pensamentos.
E lembra-te: um passo de cada vez na conquista do infinito de ti mesmo.

Luz e paz!

M.R./C.F.
(mensagem psicografada pela médium Cristina Barude, Salvador, 04.12.08)

4 de dez de 2008

REUNIÃO FEDERATIVA EM SALVADOR



Aconteceu no último dia 29/11, na sede da FEEB no Iguatemi, Reunião Federativa, com os presidentes das Casas Espíritas da Bahia e dos coordenadores dos Conselhos Distritais (CD) e Conselhos Regionais (CR) do estado. Lá compareceram vários dirigentes e coordenadores espíritas oriundos de vários municípios baianos, a exemplo de Barreiras, Feira de Santana, Senhor do Bonfim, Teixeira de Freitas, Baixa Grande, entre outros, além de cidades de Salvador e região metropolitana. Jacobina esteve presente e foi representada pelo CR-15 na figura de seu coordenador geral, Fred Santos. A reunião foi bastante produtiva e dinâmica. Vale ressaltar que a atual diretoria executiva da FEEB vem avançando o processo de descentralização das decisões federativas, possibilitando assim maior participação e decisão em torno das ações e agenda federativa à cargo dos CR´s, CD´s e casas espíritas adesas, o que já foi um avanço enorme em relação a um passado administrativo ineficiente registrado na FEBB nas últimas décadas.

A pauta da reunião, totalmente cumprida foi a seguinte:
1- Projetos Federativos
a) Plano de Trabalho do Movimento Espírita
b) Regionalização Espírita
c) Rede Jurídica Espírita
d) Caravana Baiana da Fraternidade
e) Encontro Macrorregionais
f) Encontro de Dirigentes Espíritas
g) Avaliação do XIII Congresso

2- Propostas dos Conselhos
a) Agenda Federativa
b) Análise do Regimento
c) Eleições 2009

A reunião transcorreu das 14 as 18hs. Várias questões foram abordadas, previstas na pauta, entre elas, a mudança que ocorrerá no Regimento Interno dos Cr´s, balanço das adesões e inadimplências das casas espíritas em relação à FEEB, o calendário de atividades federativas, etc.
A Macrorregional Norte, que engloba os CR-15 (Jacobina), CR-17 (Juazeiro) e CR-23 (Senhor do Bonfim), acontecerá em Jacobina, nos dias 17 e 18/10/2009, em parceria com a UEJ. Veja abaixo alguns momentos da reunião:











27 de nov de 2008

XXI SEMANA ESPÍRITA DE JACOBINA COMEÇOU.....

Ontem, quarta-feira, 26, às 20h00, no Auditório da ACIJA-Associação Comercial e Industrial de Jacobina, cerca de 250 pessoas que lotaram o local puderam vivenciar momentos de paz, união material e espiritual, embalados pela bela voz de Jade e Pedro que emocionaram os presentes ao cantarem a música Sonda-me, que é baseada no Salmo 139. Um momento único e de extrema beleza na abertura da XXI Semana Espírita de Jacobina com o tema "O Homem de Bem" cuja apresentação e condução dos trabalhos esteve a cargo de Gilka Eliana. A apresentação do grupo de dança do Grupo Espírita Cruzada do Bem, deu aos presentes uma mostra, através das adolescentes que fizeram a bela apresentação, de o quanto é bom estar de bem com a vida e com Deus. O palestrante da abertura foi Edvaldo Veloso (foto) que falou cerca de uma hora sobre Amor, Moral e Ética, caminhos para a felicidade. O evento foi integralmente transmitido ao vivo pela Rádio Jacobina FM. A organização do evento disponibilizou aos visitantes Feira de Livros Espíritas, artesanato e lanchonete, no salão de entrada do Palácio do Comércio. A XXI Semana Espírita prosseguirá até o dia 30, domingo. Hoje, 27, foi a vez de Vandilson Soares, que bordou o tema "Muitos são os chamados, poucos os escolhidos". (Fonte: Jacobina Notícias - http://www.jacobinanoticia.com.br/, com adaptações).
Logo postaremos tudo o que aconteceu neste dia e imagens do evento. Veja abaixo algumas fotos da abertura, dia 26:
Feira de Livros






Apresentação de grupo de dança











Pedro e Jade, no Momento Musical

13 de nov de 2008

XIII CONGRESSO ESPÍRITA DA BAHIA RECEBE MAIS DE 1.700 PESSOAS

A conferência de abertura do XIII Congresso Espírita da Bahia, na noite da última sexta-feira, obteve 2.030 acessos, vindos de 30 países, através do Canal 2 da webtv TV CEI, do Conselho Espírita Internacional, além do Auditório Iemanjá, no Centro de Convenções da Bahia, repleto. O orador Divaldo Pereira Franco, com a eloqüência de sempre, falando a respeito de "O amor é a solução" citou, através de exemplos comprovados pela medicina, como atitudes amorosas podem ter resultados práticos na transformação da vida das pessoas.No sábado, dia 8, e domingo, dia 9, foram mais de 4.000 acessos pela TVCEI, Brasil e mais 30 países, totalizando nos 3 dias do evento mais de 6.000 acessos.Foram 1.560 inscrições, entre participantes do Congresso (com 1.380), do Fórum Baiano da Juventude (com 180), e mais 150 pessoas entre voluntários e trabalhadores dos stands. O evento aconteceu nos dias 7 a 9, de sexta até domingo, numa promoção da Federação Espírita do Estado da Bahia (FEEB). A FEEB convida a todos para participarem do próximo congresso no mês de abril de 2011. (ASCOM-FEEB)

Congresso espírita desvenda na Bahia os caminhos do amor - Por Hélio Rocha

"Pelos Caminhos do Amor" foi o tema do XIII Congresso Espírita da Bahia que durante três dias lotou o Centro de Convenções. O ciclo de palestras iniciado na última sexta-feira às 20 horas, teve encerramento ontem às 17h30. Durante o evento, os mais de 1.500 inscritos e internautas que somente no sábado, fizeram 2.121 acessos originados de 29 países e 107 de cidades brasileiras pala webtvcei assistiram as exposições sobre vários temas que tiveram como foco principal o amor e a importância de difundi-lo. "O amor é uma essência, e devemos manifestar essa potencialidade dentro de nós" disse a diretora-presidente da Federação Espírita do Estado da Bahia (FEEB), Creuza Lage que proferiu palestra na manhã de ontem sobre "A ecologia planetária e o amor". Sobre o tema Lage explicou que o amor já aparece até no ato da criação, uma vez que a providência divina e a racionalidade realizam a manifestação desse amor. "Por outro lado, a Terra também foi criada pelo amor de Cristo, portanto, o amor pelo planeta compreende em conservar, preservar e recuperar e essa consciência todos nós devemos ter". No final da tarde, o palestrante, André Luís Peixinho falou sobre a "Evolução do Amor", e explicou as várias formas que o amor se apresenta. Para ele tal sentimento é variável conforme o estágio da maturidade do psiquismo do ser. "Tem o amor de forma primitiva (egocentral) e no máximo se expressam em paixões; quando a pessoa evolui ela desenvolve o amor chamado de amizade plena em que se procura a amplitude e acontece a partilha com o outro". De acordo com Peixinho, que também foi o organizador da programação do evento, quando este sentimento cresce ainda mais, é possível sentir o amor divino, e nesse caso, o indivíduo já alcançou a plenitude. Segundo o palestrante, a idéia central do tema é tomar como referência o amor, em contrapartida a racionalidade da sociedade contemporânea. "Quem ama cuida, deseja o bem, acolhe. A melhor representação do amor é o êxtase do mistério na comunhão com Deus e a sua vivência posterior na ação, no mundo". Na opinião de Peixinho, a espiritualidade está atualmente renascendo e hoje há uma busca espiritual de várias formas. "Não apenas através da religião, a espiritualidade, é expressada também através das artes. Por pelo menos dois séculos do domínio do materialismo, percebemos hoje uma sede de busca dessa perspectiva. É um instrumento do ser humano que foi reprimido e hoje volta com força total". Reprodução - (JORNAL TRIBUNA DA BAHIA, nº 12421- ANO XL, Página 13, de 10/11/08)

VEJA A SEGUIR ALGUNS MOMENTOS DO XIII CEB


Visão parcial da venda de livros















Luiz Bassuma na peça "Os Pacifistas"






Palestra de Adenauér Novaes

Parte dos stands Fred e Kênia no XIII CEB

6 de nov de 2008

XIII CONGRESSO ESPÍRITA DA BAHIA, DE 07 A 09/11/2008

A abertura do XIII Congresso Espírita da Bahia será no dia 7 próximo (sexta-feira) com a palestra "O amor é a solução" proferida por Divaldo Pereira Franco. Contamos com sua presença, você é importante, inscreva-se. Confira a programação e demais detalhes do evento no site da FEEB (http://www.feeb.com.br/). Para os jovens a FEEB promove o Fórum Baiano da Juventude. O Fórum é destinado aos jovens dos 15 aos 24 anos de idade.
Estaremos presentes no XIII CEB. Nos próximos dias, postaremos tudo o que aconteceu no Congresso e imagens do evento. Aguarde!!!!

25 de out de 2008

PINTURA MEDIÚNICA

**LOCAL:CENTRO FRATERNO LUZ E CARIDADE -Rua Brasília nº5 Cond. Guilherme Marback-Imbui - Salvador (BA). Atrás do Colégio Rômulo Almeida Tel: 71-3232 1035 /3491 9867 Cel: 9945 2758 / 9127 7996
(Divulgação)

17 de out de 2008

OS INIMIGOS DO INVISÍVEL


"Reproduzimos para estudo e reflexão de todos".


A doutrina espírita nos esclarece que espíritos equivocados e ignorantes existem em grande número a nos influenciar a todo o instante, e que precisamos estar bastante atentos para não nos deixar levar por suas maléficas influências.
Além dos nossos desafetos do plano material, é importante que não nos esqueçamos de que também os temos no outro lado da vida, ou seja na vida espiritual, e que dessa forma, é prudente que desde já busquemos entrar em contato com os nossos irmãos que por qualquer motivo não têm conosco uma boa convivência em nossa atual romagem terrena, para se possível desfazermos os motivos de tais desarmonias e nos guiar pelas instruções do Mestre de Nazaré para que façamos nossos acertos enquanto estamos à caminho com eles, para que não aumentemos ainda mais o número deles no outro lado da vida. A doutrina espírita nos esclarece que espíritos equivocados e ignorantes existem em grande número a nos influenciar a todo o instante, e que precisamos estar bastante atentos para não nos deixar levar por suas maléficas influências. Informam-nos os Instrutores da Espiritualidade Superior que alguns desses nossos irmãos, em estado de total desrespeito por tudo e por todos, não se deixam influenciar nem mesmo diante da invocação do nome de Deus nosso Pai, e que somente aqueles que possuem elevado conceito de moralidade poderão obter resultado positivo diante dessas criaturas infelizes, exatamente porque já vivenciam os ensinamentos do mestre de Nazaré em pensamentos, palavras e obras, trabalhando incansavelmente pelo alastramento e implantação do bem no coração dos seus irmãos, ajudando a levantar os caídos na estrada da vida, única condição de impor respeito ante essas entidades perversas e ignorantes.Em o evangelho Segundo o Espiritismo, encontramos as instruções dos Imortais da Vida Maior, sobre o assunto, conforme segue:
Os inimigos desencarnados"Ainda outros motivos tem o espírita para ser indulgente com os seus inimigos. Sabe ele, primeiramente, que a maldade não é um estado permanente dos homens; que ela decorre de uma imperfeição temporária e que, assim como a criança se corrige dos seus defeitos, o homem mau reconhecerá um dia os seus erros e se tornará bom.Sabe também que a morte apenas o livra da presença material do seu inimigo, pois que este o pode perseguir com o seu ódio, mesmo depois de haver deixado a Terra; que, assim, a vingança, que tome, falha ao seu objetivo, visto que, ao contrário, tem por efeito produzir maior irritação, capaz de passar de uma existência a outra. Cabia ao Espiritismo demonstrar, por meio da experiência e da lei que rege as relações entre o mundo visível e o mundo invisível, que a expressão: extinguir o ódio com o sangue é radicalmente falsa, que a verdade é que o sangue alimenta o ódio, mesmo no além-túmulo. Cabia-lhe, portanto, apresentar uma razão de ser positiva e uma utilidade prática ao perdão e ao preceito do Cristo: Amai os vossos inimigos. Não há coração tão perverso que, mesmo a seu mau grado, não se mostre sensível ao bom proceder. Mediante o bom procedimento, tira-se, pelo menos, todo pretexto às represálias, podendo-se até fazer de um inimigo um amigo, antes e depois de sua morte. Com um mau proceder, o homem irrita o seu inimigo, que então se constitui instrumento de que a justiça de Deus se serve para punir aquele que não perdoou. Pode-se, portanto, contar inimigos assim entre os encarnados, como entre os desencarnados. Os inimigos do mundo invisível manifestam sua malevolência pelas obsessões e subjugações com que tanta gente se vê a braços e que representam um gênero de provações, as quais, como as outras, concorrem para o adiantamento do ser, que, por isso; as deve receber com resignação e como conseqüência da natureza inferior do globo terrestre. Se não houvesse homens maus na Terra, não haveria Espíritos maus ao seu derredor. Se, conseguintemente, se deve usar de benevolência com os inimigos encarnados, do mesmo modo se deve proceder com relação aos que se acham desencarnados. Outrora, sacrificavam-se vítimas sangrentas para aplacar os deuses infernais, que não eram senão os maus Espíritos. Aos deuses infernais sucederam os demônios, que são a mesma coisa. O Espiritismo demonstra que esses demônios mais não são do que as almas dos homens perversos, que ainda se não despojaram dos instintos materiais; que ninguém logra aplacá-los, senão mediante o sacrifício do ódio existente, isto é, pela caridade; que esta não tem por efeito, unicamente, impedi-los de praticar o mal e, sim, também o de os reconduzir ao caminho do bem e de contribuir para a salvação deles. É assim que o mandamento: Amai os vossos inimigos não se circunscreve ao âmbito acanhado da Terra e da vida presente; antes, faz parte da grande lei da solidariedade e da fraternidade universais". ¹Fonte:1) O Evangelho segundo o Espiritismo, cap. XII, itens 5 e 6.
Por Francisco Rebouças



Para Complementar o estudo:

“Muitos não têm consciência do mal que estão praticando. Podem estar sendo usados por obsessores mais inteligentes e mais cruéis, que os atormentam, enquanto os obrigam a, por sua vez, atormentarem os que são objeto de vingança ou ódio."
Suely Caldas Schubert – OBSESSÃO/DESOBSESSÃO, p. 73

O LIVRO DOS ESPÍRITOS

Questão 459: Os Espíritos influenciam sobre os nossos pensamentos e as nossas ações ?
Resposta: "A esse respeito sua influência é maior do que credes porque, freqüentemente, são eles que vos dirigem."


"As instituições das trevas são estruturadas numa rígida concentração de poder, na mão de alguns líderes. (...) Seus organogramas são bem planejados e implementados como os de uma empresa. (...) Seus métodos são os do terror pela violência, sua incontestável hierarquia apóia-se num regime disciplinar implacável, rígido, inflexível. Não se tolera a falta, o deslize, a revolta, a desobediência.”
Hermínio Miranda
DIÁLOGO COM AS SOMBRAS, p. 199 a 203

24 de set de 2008

MACRO BONFIM 2008 - RESUMO

Aconteceu nos dias 20 e 21/09/2008 a Macrorregional Norte/FEEB, na cidade de Senhor do Bonfim, que encerrou as Macros da Bahia neste ano, com a participação dos CR´s 15 (Jacobina), 17 (Juazeiro) e 23 (Senhor do Bonfim), da FEEB, representada pela sua diretora-presidente Creuza Lage e mais 05 diretores, além das cidades de Itiúba, Jaguarari, Campo Formoso e Pilar. O evento foi organizado e conduzido pelo CR-23.
Os encontros têm como objetivo reunir os trabalhadores dos Conselhos Distritais e Regionais em atividades de planejamento, formação e troca de experiências voltadas para a união e organização do movimento espírita na Bahia. Este ano, a meta é implantar os projetos que consolidem Comissões Federativas em todos os Conselhos e sensibilizem as lideranças locais à implantação do Plano de Trabalho do Movimento Espírita e da Capacitação Administrativa para Dirigentes Espírita (CF/FEB 2009-2012).

Na Macro de Bonfim ocorreram reuniões setoriais (GESTÃO FEDERATIVA, COMUNICAÇÃO SOCIAL, DIVULGAÇÃO DOUTRINÁRIA, INFÂNCIA E JUVENTUDE, ESDE E ASSISTÊNCIA E PROMOÇÃO SOCIAL), mediadas pelos diretores da FEEB respectivos, em salas diferentes, com a participação das cidades presentes, com exceção de Jacobina, que por ter apenas o coordenador-geral do CR-15 presente ao evento, não obstante o convite estendido a vários integrantes do movimento espírita local, participou apenas da reunião setorial Gestão Federativa, mediada por Creuza Lage.

As reuniões setoriais seguiram durante toda a tarde de sábado e a manhã do domingo (21). Fazendo parte da programação do evento, ocorreu uma palestra no Centro Espírita Discípulos de Jesus, no sábado a noite, com tema: A Necessidade de Amor no Movimento Espírita, proferida por Creuza.

No tema Gestão Federativa, houve excelente troca de informações e experiências no que tange às realidades vividas em cada cidade, em cada Casa espírita ali representadas. Muitos problemas são comuns a todos, entre eles, o pouco compromisso humano nas casas em relação à Causa e às atividades espíritas. Ainda sobre a temática podemos acrescentar que "A Gestão Federativa tem como objeto de trabalho o Centro Espírita no atendimento às suas finalidades. A Gestão Federativa à luz do Espiritismo deve ter como princípios fundantes:
- A autonomia das instituições espíritas; Relação clara entre organização e liberdade e, Ações progressivas e continuadas.

Entre as múltiplas informações compartilhadas durante o evento, a FEEB definiu juntamente com os CR´s seu cronograma para execução do Programa CADE, voltado para à Administração das Casas Espíritas. O CR-15, em parceria com a UEJ, estará disponibilizando juntamente com a FEEB esse curso nos dias 25 e 26 de abril de 2009. Será o 2º de três módulos do CADE, sendo o primeiro em Bonfim (28/29-03) e o 3º em Juazeiro (30/31-05). A FEEB também realizará no dia 29/11/08 o Encontro Federativo, na cidade de Salvador, dirigido aos coordenadores dos CR´s na Bahia. Foi informado também que o Encontro Estadual do ESDE (Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita), ocorerrá em Salvador, no dia 08/03/2009, quando espera-se a participação dos trabalhadores das Casas espíritas da Bahia envolvidos nos estudos, palestras e cursos (ESDE).

A Macrorregional Chapada, terá Jacobina como sede, no segundo semestre de 2009.

Reiterou também a importância da participação dos espíritas trabalhadores e simpatizantes no XIII Congresso Espírita Baiano, de 07 a 09/11/08, em Salvador.

Repassou recomendação da FEB que em 2009, as Casas espíritas do Brasil realizem seminários, palestras, etc., com temáticas envolvendo os livros de Chico Xavier, preferencialmente os de André Luiz e Emmanuel, preparando assim as comemorações dos 100 anos do nascimento desse importante espírita e médium, Chico Xavier, que será comemorado durante o Congresso Espírita Nacional em 2010, possivelmente no mês de abril daquele ano.

A Macro 2008 Norte, de Bonfim, foi encerrada quando da realização de uma mesa redonda e almoço de confraternização no local do evento, com várias mensagens, entre elas, sociabilizo esta, concluindo este nosso singelo resumo de um evento cheio de luz:

"O importante na Vida não é ser ou parecer, o importante é fazer construir e desenvolver com coragem, energia, confiança e otimismo".

Alguns momentos da Macro

















22 de set de 2008

55ª SEMANA ESPÍRITA DE VITÓRIA DA CONQUISTA




A 55ª Semana Espírita de Vitória da Conquista, que aconteceu de 07 a 14 de setembro, no Planet Hall, contou com um público médio diário de 1.700 pessoas e teve no seu encerramento mais de 2.000 pessoas presentes para assistirem à conferência final do médium Divaldo Pereira Franco. Com atividades diárias em três turnos (com exceção da segunda-feira pela manhã e quinta-feira à tarde, estrategicamente deixadas para descanso dos participantes), o evento surpreendeu pela presença maciça do público, mesmo em períodos em que, tradicionalmente, o fluxo era menor. O novo espaço, mais amplo, contribuiu para o sucesso do evento, pois possibilitou às pessoas chegarem às atividades sem pressa ou correria para conseguirem acomodar-se com mais conforto. O tema central REENCARNAÇÃO – UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA, desdobrado em diversos sub-temas, foi tratado com esmero pelos expositores responsáveis e atraiu a atenção da comunidade não espírita. Participaram do evento 66 cidades de 15 Estados da Federação e um país, Portugal. Minas Gerais foi o Estado representado por mais cidades, 11, e dentre estas estava também a que tinha a maior caravana, Montes Claros, com 56 pessoas. Pela internet tivemos 24130 visitas, de 551 cidades conectadas de 42 países, dos 5 continentes. Os expositores presentes ao evento foram Marcel Mariano, André Luiz Peixinho, Merlânio Maia, Alkíndar de Oliveira, Cláudio Amorim, Wesley Caldeira, Adenáuer Ferraz, Raul Teixeira e Divaldo Franco, que abrilhantaram a 55ª Semana Espírita com suas conferências e seminários. No domingo 14, a 55ª Semana Espírita encerrou-se com a conferência de Divaldo sobre o tema Reencarnação e Imortalidade, ocasião em que o Espírito Bezerra de Menezes fez-se presente através da psicofonia do médium e tribuno baiano, deixando uma belíssima e reflexiva mensagem, que emocionou a todos.


Ao final do evento, foi distribuído um calendário para os presentes com o tema e data da 56ª Semana Espírita de Vitória da Conquista: A FAMÍLIA COMO INSTRUMENTO DE EVOLUÇÃO, que acontecerá de 06 a 13 de Setembro de 2009.

15 de set de 2008

Recepção na Casa Espírita

Por Francisco Rebouças

"A casa espírita deve ser uma instituição que represente os braços do Mestre abertos e estendidos a envolver todos os irmãos que ELE nos encaminhar, pois, que o Centro Espírita é a casa em que as almas encarnadas e desencarnadas podem encontrar Jesus, através dos seus trabalhadores..."

Entendemos, que a maneira como somos recebidos em qualquer lugar ou instituição, seja por amigos ou desconhecidos, muita influência exerce em nossa maneira de nos portarmos em tais ambientes, isto é, se somos recebidos de maneira fria, desinteressada, sem qualquer importância, nossa atuação estará muito comprometida, pois, nos sentiremos deslocados, incomodados etc.
Se, ao contrário, formos recebidos com carinho, com votos de boas-vindas, com camaradagem, com alegria pelos recepcionistas desses lugares ou instituições, nosso ânimo será outro, e nossa participação será bem diferente, pois, nos sentiremos queridos, estimados etc.
Da mesma forma que nós, todas as outras pessoas também desejam ser bem recebidas, e se estamos na Casa Espírita que freqüentamos, a recepção que devemos dar a quem nos procura deve ser a mais calorosa, atenciosa, e respeitosa possível, visto que estaremos representando, a infinidade de trabalhadores do Mestre de Nazaré que nos ensinou a "amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos".Por essa razão, a casa espírita deve ser uma instituição que represente os braços do Mestre abertos e estendidos a envolver todos os irmãos que ELE nos encaminhar, pois, que o Centro Espírita é a casa em que as almas encarnadas e desencarnadas podem encontrar Jesus, através dos seus trabalhadores, em quem o Mestre muito confia, assim sendo, algumas atitudes devem ser tomadas para que os irmãos que nos procurem possam realmente encontrar apoio e orientação segura para suas dificuldades, sejam quais forem.
Para tanto, a casa espírita deve preparar seus tarefeiros para esse mister, escolhendo através de cursos a serem ministrados com essa finalidade, onde os mais experientes, os mais dedicados possam ser encaminhados para o setor de recepção da casa espírita, e estará preparado para dar todas as informações sobre as atividades da casa, as primeiras orientações sobre a doutrina etc., nesses encontros, devem ser solicitado a todos os participantes que dêem sugestões para uma recepção digna a quem buscar o Templo Espírita a que pertençamos, e posteriormente selecionadas as melhores idéias para serem desenvolvidas e postas em prática com o comprometimento de todo grupo.
Essas reuniões, em nossa casa espírita, acontecem normalmente nos grupos de estudos, onde em determinadas oportunidades fazemos um balanço daquilo que achamos que precisa ser implantado ou modificado e pedimos a opinião de todos os participantes que opinam e por participarem dos métodos de definição de como melhorar a tarefa estudada, se acham bem integrados com as medidas definidas e se empenham por cumpri-las.
Não mais se pode admitir, uma casa espírita, onde alguém dá a ordem e todos têm que executar, seja ou não favorável e sem ser ouvido, hoje o diálogo, na busca de soluções para os problemas que nos surgem é de vital importância para a manutenção de uma Instituição sadia, sem correntes contrárias a se combaterem, afinal somos espíritas e não podemos nos esquecer dessa responsabilidade em hipótese alguma.
De nossas experiências, podemos apenas sugerir algumas idéias para melhorar essa recepção em nossas casas espíritas, respeitando cada grupo espírita que é absolutamente independente para agir de conformidade com sua filosofia, e não temos a pretensão de passarmos por professores de conduta ou autoridades em qualquer tipo de assunto, apenas queremos se possível contribuir para um melhor relacionamento entre a instituição, seus tarefeiros e os irmãos que chegarem na busca de orientação e auxílio.
Sugestões para uma boa Recepção:
1) Criação de uma mentalidade de recepcionar bem quem quer que procure a Instituição, através de avisos, folhetos, conversas nos grupos de estudos e trabalhos da casa espírita;2) Pedir aos trabalhadores da casa espírita sugestões para essa finalidade;3) Constituir um grupo de trabalhos visando a implantação das melhores sugestões, visto que cada instituição conhece melhor seu público;4) Preparar tarefeiros para essa tarefa específica, envolvendo os de maior conhecimento sobre a casa e sobre a doutrina, os mais calmos, pacientes, que melhor saibam se expressar etc.;5) Buscar o envolvimento de todos os dirigentes, e trabalhadores da casa, pois, sem a participação de todos, o trabalho não terá a mesma eficiência, sabemos que 100% (cem por cento) não é possível, mas, o maior número viável de tarefeiros deve ser a meta.Pensamos que para uma boa recepção é preciso um bom conhecimento dos postulados da doutrina espírita, e não devemos em hipótese alguma desistir por mais e maiores dificuldades que possam surgir, pois, os espíritos Superiores estarão nos dando todo apoio necessário para que triunfemos ao final da peleja.
Desde a entrada da casa espírita, já deve ter o visitante a saudação de boas-vindas, com um belo sorriso no rosto do tarefeiro, a entrega de uma mensagem contendo uma página edificante e ainda, se possível, com as atividades da casa no verso, o que facilitará em muito a tarefa de explicação do tarefeiro. Para uma boa recepção não é necessário quase nada, uma simples mesa na entrada da casa, que não atrapalhe o acesso das pessoas, ou mesmo o plantão permitido por uma escala de tarefeiros para cada dia de atividade da casa, para recepcionar quem chegue e distribuir as mensagens em pé mesmo. Os casos que precisem de uma palavra mais especializada, o plantonista encaminhará a pessoa a alguém também bem preparado para uma adequada orientação etc.
Chamamos a atenção para o fato de que é necessário que a pessoa responsável pela recepção tenha total conhecimento das atividades da casa e que se mantenha simpática em todos os momentos, pois, lembramos que a recepção é o primeiro contato do visitante com a nossa casa espírita ou mesmo com a doutrina espírita, e quase sempre é a primeira impressão que cativará ou afastará o indivíduo e muitos outros que por seu intermédio poderão chegar.
É, conveniente lembrar também, que se deve evitar lidar com dinheiro no local da recepção, pois, muitas vezes é na própria recepção que trabalhadores e freqüentadores da casa fazem doações ou pagamentos de alguma promoção beneficente promovida pelo grupo, o que deve ser em nossa modesta opinião feita na tesouraria da casa espírita em local adequado para tal atividade, pois, para as pessoas que chegam pela primeira vez ao centro espírita, pode causar estranheza e interpretações equivocadas sobre o motivo do recebimento do dinheiro.Que Jesus nos abençoes e inspire, para que possamos ser dignos representantes seus, diante do ser que nos chegar à sua procura!

12 de set de 2008

XI ENCOMLUZ - PROGRAME-SE




A décima primeira versão do Encomluz acontecerá nos dias 28 e 29/11 na Cidade da Luz (Salvador-BA). Um convite à reflexão sobre o crescimento pessoal e a espiritualidade, sob o tema central MELHORE SUA VIDA, reunindo conhecidos palestrantes como Adenáuer Novais, Djalma Argolo, José Medrado, Kau Mascarenhas e Patrícia Bonito. O evento terá uma nova roupagem, com um período menor, porém sem perder a excelência do conteúdo. Na abertura (somente para participantes), dia 28/11, terá como momento artístico, o Show Celebrando a Vida, com os cantores líricos de São Paulo, Allan Vilches e Paula Zamp. Investimento: R$ 30,00 Informações e inscrições: 71 3363-5538 ou cidadedaluz@cidadedaluz.com.br

4 de set de 2008

EXEMPLO DE FORÇA E AMOR NA CARIDADE ESPÍRITA

Verdadeiramente uma imagem vale por mil palavras. Mesmo assim, reproduzimos o texto abaixo (com fonte), para conhecimento e aprendizado de todos, principalmente para mim, é claro. Boa leitura.

"O blog Nossos Poetas conta parte da história de vida dos pacientes das Casas André Luiz. Além de escreverem suas auto-biografias, eles escrevem poesias que retratam a visão que têm do mundo, suas opiniões e conselhos para se viver melhor.Esses textos são produzidos de várias maneiras: alguns pacientes são alfabetizados e escrevem suas poesias, outros usam a fala para ditarem sua mensagem e outros, ainda, usam o Sistema Bliss de Comunicação Alternativa. Esse blog é motivo de muita satisfação para nossos poetas pois apesar de viverem em uma Instituição têm a oportunidade de serem ouvidos pelo mundo."
Fiquei emocionado! Vejam as lindas poesias escritas por esses exemplos de espíritos lutadores e vencedores. PAZ!

1 de set de 2008

A SERPENTE E O SÁBIO

Contam as tradições populares da Índia que existia uma serpente venenosa em certo campo. Ninguém se aventurava a passar por lá, receando-lhe o assalto. Mas um santo homem, a serviço de Deus, buscou a região, mais confiado no Senhor que em si mesmo. A serpente o atacou, desrespeitosa. Ele dominou-a, porém, com o olhar sereno, e falou:

- Minha irmã, é da lei que não façamos mal a ninguém.

A víbora recolheu-se, envergonhada. Continuou o sábio o seu caminho e a serpente modificou-se completamente. Procurou os lugares habitados pelo homem, como desejosa de reparar os antigos crimes. Mostrou-se integralmente pacífica, mas, desde então, começaram a abusar dela. Quando lhe identificaram a submissão absoluta, homens, mulheres e crianças davam-lhe pedradas. A infeliz recolheu-se à toca, desalentada. Vivia aflita, medrosa, desanimada. Eis, porém, que o santo voltou pelo mesmo caminho e deliberou visitá-la. Espantou-se, observando tamanha ruína. A serpente contou-lhe, então, a história amargurada. Desejava ser boa, afável e carinhosa, mas as criaturas peseguiam-na. O sábio pensou, pensou e respondeu após ouví-la:

- Mas, minha irmã, ouve um engano de tua parte. Aconselhei-te a não morderes ninguém, a não praticares o assassínio e a perseguição, mas não te disse que evitasses de assustar os maus. Não ataques as criaturas de Deus, nossas irmãs no mesmo caminho da vida, mas defende a tua cooperação na obra do Senhor. Não mordas, nem firas, mas é preciso manter o perverso à distância, mostrando-lhe os teus dentes e emitindo os teus silvos.

Xavier, Francisco Cândido.
Da obra: Os Mensageiros.Ditado pelo Espírito André Luiz.
FEB, 1944.

29 de ago de 2008

FILME "BEZERRA DE MENEZES, O DIÁRIO DE UM ESPÍRITO" ESTRÉIA HOJE

Depois de gerar expectativas em todo o país, o filme “Bezerra de Menezes: o Diário de um Espírito” estréia em Fortaleza hoje (29) nos cinemas do Shopping Iguatemi e do North Shopping. Além de Fortaleza, o filme deve ser lançado em mais 43 cidades do Brasil, selando a expectativa em torno do longa cearense, que levou dois anos e meio para ficar pronto. O roteiro de Andréa Bardawill, referenciado no trabalho de pesquisa biográfica de Luciano Klein, contempla a trajetória do humanista Bezerra de Menezes, que exerceu na medicina e na política alguns princípios como a bondade, a caridade e a ética. O filme é uma realização da ONG Estação da Luz e traz na produção a equipe da Trio Filmes. Com um orçamento de aproximadamente R$ 2 milhões, a direção é dos cineastas Glauber Filho e Joe Pimentel e conta com a distribuição da Fox Filmes. No elenco de “Bezerra de Menezes: o Diário de um Espírito”, atores de renome nacional, como Carlos Vereza, Lúcio Mauro e Caio Blat, misturam-se a um casting de atores cearenses em um cenário familiar. O filme teve locações em cidades como Fortaleza, Guaramiranga e Maranguape, além de Recife e Rio de Janeiro. Figurino, cenário e maquiagem foram trabalhados e o resultado é uma fiel reconstituição da época em que viveu Bezerra de Menezes. O “Médico dos Pobres” nasceu em 1831, na localidade de Riacho do Sangue, hoje, município de Jaguaretama, no interior do Ceará, e faleceu em abril de 1900, no Rio de Janeiro. Baseado em fatos reais, o longa adota uma seqüência cronológica das experiências vividas por Bezerra de Menezes, conduzidas em narrativa pelo protagonista do filme, Carlos Vereza. Dramas pessoais de uma mudança íntima, o rompimento com a família pela opção religiosa e o conflito com as oligarquias no combate à escravidão são alguns pontos marcantes da trajetória do médico, adaptados para o audiovisual.

Veja o trailer do filme clicando no link abaixo:

http://www.bezerrademenezesofilme.com.br/dm_documets/Trailler_Bezerra.zip

NOTÍCIA : Assistam BEZERRA DE MENEZES O Filme em exibição nos melhores cinemas da cidade.No dia 28/09/2008 (Domingo) às 15:40 h , sessão especial patrocinada pela FEEB, no Cineplace Itaigara.Adquiram seus ingressosInformações 71-33593323/33513220

28 de ago de 2008

55ª SEMANA ESPÍRITA DE V. DA CONQUISTA - BA


Está chegando o dia.


55ª SEMANA ESPÍRITA DE VITÓRIA DA CONQUISTA, de 07 a 14 de Setembro de 2008

Local: PLANET HALL

Tema principal: REENCARNAÇÃO UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA


Saiba mais, acessando o vídeo de apresentação do evento. Clique no link abaixo:


25 de ago de 2008

Samba Espírita, vale a pena ver...

Este vídeo musical, que circula no You Tube, é D+. Provoca nos que aceitam a crítica, boas reflexões, naqueles que se melindram, sentimentos que atrasam sua evolução, enfim, cada qual com seu cada qual. Aproveitem, cliquem no link abaixo, e boa reflexão:

http://br.youtube.com/watch?v=CO6EZQNXgkE

24 de ago de 2008

PEDAÇO DO CÉU..

Às vezes você se sente deslocado no planeta que habita, como se o Criador o tivesse jogado a esmo, e você caiu em local inóspito e infeliz... Olha ao redor e tem a sensação de que todos estão bem encaixados, como engrenagens vivas nessa imensa máquina chamada sociedade..., menos você. Parece até que as pessoas não o vêem, não o ouvem, e sente-se como um fantasma que se move, sem rumo e sem alegria. E pensa que seria tão bom se você pudesse fazer parte das alegrias de todos, das conquistas alheias, das belezas da natureza que o cerca. Seria ainda melhor se todos percebessem seus talentos, seus esforços, suas pequenas vitórias, e o amparassem nos seus dias de tristezas... Sente que pode estar no mundo errado, no momento errado, com as pessoas erradas, e talvez fosse mais feliz se alterasse a rota, trocasse de posição com outra pessoa, fosse outro ser qualquer... Você olha o céu e analisa os pássaros, na sua trajetória maravilhosa, a planar ao vento com o sol a brilhar sobre suas penas... É delicioso ser pássaro, pensa você. Volve os olhos ao mar e analisa os peixes, com suas cores diversas, tamanhos variados e pensa na maravilha que é nadar no recife entre os corais, na água tépida... Seria tão bom ser peixe..., pensa você. Observa árvores gigantescas, arbustos, plantas, flores e frutos à disposição dos seres selvagens. E pensa que não seria nada mau ser um tigre a desfrutar da liberdade, a correr leve e solto, sem peias, sem amarras... Volta seu olhar para o seio da terra e vê seres que cavam tocas profundas, bem feitas e, embora ache escuro, observa os seres que lá habitam e medita que não seria nada ruim habitar as entranhas da terra... Volve seu olhar a todos esses seres que habitam o planeta e analisa prós e contras, e percebe cada um com um pedacinho do céu. E assim é a vida de cada um de nós: diferente, formando habilidades múltiplas, desenvolvendo aptidões diversas, com prós e contras. Mas, assim como o pássaro não pode nadar, o peixe habitar a selva nem o tigre voar, cada um tem um pedacinho do céu em suas vidas. Saiba verificar qual é o seu pedaço do céu. Não ambicione o céu alheio. É possível que você não esteja preparado para vivenciar a realidade alheia. Talvez lhe falte envergadura. Talvez lhe sobre possibilidades. E não há nada pior do que estar no lugar errado, na hora errada. Conscientize-se de que você tem o pedaço do céu que merece e que tem a capacidade de desfrutar. De que adiantaria o pôr-do-sol mais esplendoroso para quem não pode enxergar? Viva o seu momento, na certeza de que a vida futura lhe reserva experiências diferentes, mestres diferentes e, sobretudo, o pedaço do céu que lhe pertence... Pense nisso! Este é o seu momento de crescer, de produzir, de colaborar com o Criador exatamente onde ele o colocou. Seja feliz no seu pedacinho do céu, que é único e é seu!
Equipe de Redação do Momento Espírita, com base em mensagem do Espírito Stephano, psicografada por Marie-Chantal Dufour Eisenbach, na Sociedade Espírita Renovação, no dia 23/05/2005.
por LÍVIA LAMBLET * 7:06 AM

COMEÇANDO A CONVERSAR.....


Uma maneira de ver o Mundo sob a ótica do Espiritismo e suas implicações com a realidade. Queremos dialogar fraternalmente com pessoas lúcidas e com capacidade de acordar para a vida. Que o pensamento de religiosidade que nos vai interiormente não seja uma muleta a sustentar a consciência, pois isso não é religião, mas grilhões que nos prendem ao primitivismo dos sentimentos e das emoções e impossibilitam a nossa capacidade de apreciarmos momentos mais leves da nossa personalidade espiritual.

Assim, seja bem vindo(a) ao nosso Blog, do CR-15 Jacobina, que está a sua disposição para publicar seus pensamentos em torno das muitas temáticas espíritas e sua relação com o nosso mundo. Para mandar seus post, envie e-mail para: cregional15.jacobina@gmail.com.


PAZ!