2 de dez de 2009

TERMINOU A 22ª SEMANA ESPÍRITA DE JACOBINA

No domingo (29.11) foram 2 momentos que marcaram o encerramento da 22a. edição da semana espírita em nosso município. Logo a tarde, às 15hs., um bom público testemunhou a ação dos espíritos quando da Pintura mediúnica através do médium Florêncio Anton. Após as pinturas das telas, aconteceu um concorrido leilão das obras, sendo vendidas todas.
A noite, o mesmo Florêncio Anton (foto) ficou encarregado de encerrar o evento realizando uma excelente palestra cujo tema Espiritismo e a Educação do Sentimento foi o alicerce central da temática espírita deste ano.
Durante todo o evento também foi realizada a 22a. Feira do Livro Espírita. De 27 na 29/11, na mesma ACIJA, aconteceu a VI Semaninha Espírita, voltada para as muitas crianças que lá foram levadas pelos seus pais. Ao final foi anunciada a 23a. Semana Espírita, que acontecerá de 24 a 28/11/2010 com o tema central CHICO XAVIER: 100 ANOS DE AMOR.

Veja mais fotos:

SEMANA ESPÍRITA EM SEU QUARTO DIA...

Na noite de sábado (29.11), a palestra da 22ª Semana Espírita ficou a cargo de Rui Diamantino (foto), que abordou o tema Fé Raciocinada: Fundamento para o Homem Integral. Uma palestra imperdível, que agradou a todos que a ouviram. Antes da palestra, o público presente ao auditório da ACIJA foram presenteados com belissíma apresentação musical do coral da Tia Cruzinha e a dupla Everaldo (acordeon) / Edimilson (teclado). Lindo. Após, se apresentou no palco, jovens da Mocidade Espírita Cruzada do Bem, que deram um show de dança.
Veja mais fotos deste dia.

1 de dez de 2009

TERCEIRO DIA DA SEMANA....

No 3º dia da Semana Espírita, sexta (27), foi a vez do expositor Danilo Cruz (foto), que abordou o tema O Espiritismo em Defesa da Vida. Bela palestra, didática e esclarecedora. Tivemos também o Momento Musical com Beto Gomes (veja abaixo). Tem mais.

27 de nov de 2009

CONTINUA A 22a SEMANA ESPÍRITA....

Ontem (26), foi a vez do expositor Robson Ferrer (foto), que abordou o tema: Evolução Humana. Excelente palestra. Antes, a Mocidade Espírita Cruzada do Bem apresentou para o público presente uma curta, mas bonita, peça teatral, com movimentos simbólicos e de fácil entendimento para todos. Parabéns a Mocidade. A Semana Espírita continua...
Mocidade Espírita Cruzada do Bem

Auditório durante a palestra

22a SEMANA ESPÍRITA COMEÇOU EM JACOBINA...

Teve início na tarde de quarta-feira (25), às 15hs., com a 22a Feira do Livro Espírita, a vigésima segunda edição da nossa Semana Espírita de Jacobina, cujo tema central é: Espiritismo e a Educação dos Sentimentos. Na noite do dia 25, a abertura das palestras foi feita pela Diretora de Integração Federativa da FEEB, Creuza Lage (foto) que abordou o tema: Conhece-te a Ti Mesmo, que foi antecidada pelo Momento Musical. O auditório da ACIJA ficou lotado. Foi uma palestra de fácil entendimento e que agradou a todos. As palestras estão sendo transmitidas ao vivo pela Jacobina FM (99.1) http://www.jacobinafm.com.br/
Momento musical e visão do auditório

14 de nov de 2009

22a. SEMANA ESPÍRITA DE JACOBINA - BA

Vem aí a 22a. Semana Espírita de Jacobina (BA), de 25 a 29/11 do corrente ano. Veja toda a programação e os detalhes do evento no LINK:


A organização é da União Espírita de Jacobina.
Apoio: CR-15 e Federação Espírita do Estado da Bahia.

3 de nov de 2009

DIVALDO DEFENDE APLICAÇÃO DO EVANGELHO NO TRT BAHIA

A sala de sessões do Pleno ficou lotada para a palestra
"O Evangelho tem uma mensagem muito atual para a magistratura e seus desafios. Desde o Sermão da Montanha, Jesus fixou novos conceitos de justiça e de sociedade, defendendo o respeito ao indivíduo, dando-lhe a dignidade da cidadania. O magistrado tem responsabilidades que lhes são destinadas carmicamente, e o Evangelho constitui apoio e segurança para grandes decisões".
Essa afirmação foi feita pelo professor e orador espírita Divaldo Franco, em entrevista no gabinete da presidência do TRT5, nesta sexta-feira, dia 23, pouco antes da palestra que ele proferiu para uma platéia que lotou a sala de sessões do Pleno, no edifício sede do Tribunal, em Nazaré.
Na palestra, que foi transmitida em tempo real pela internet e que estará disponível em breve na videoteca do TRT5, o professor apresentou um amplo levantamento bibliográfico e fez comparativos entre a evolução do espiritismo e das descobertas cientificas para explicar que ciência e crença confirmam que o universo é regido por uma lei do amor. "Há, na genética humana, um gene que prova a marca da ascendência de Deus. Ter uma religião é cultural, mas acreditarmos em Deus como criador é natural, é genético", afirmou, perante a audiência.
A proposta do espiritismo é o amor. O amor prescinde do rigor da lei, mas a lei também procede da inspiração divina', continuou o professor, que exortou os presentes a acreditarem: "Não permitamos que o desespero penetre em nosso lar, que os maus nos façam mal e que os inimigos se transformem em nossos inimigos. Se eles quiserem nos odiar que assim seja, mas vamos manter o amor em nossos corações", concluiu.


Abrame - A juíza auxiliar do TRT5 Manuela Hermes de Lima, delegada regional da Associação Brasileira dos Magistrados Espíritas (Abrame), considerou a palestra de Divado Franco "espetacular, uma vez que refletiu o interesse de associar princípios jurídicos e de amor ao próximo no trabalho cotidiano e humanizar o judiciário". Segundo ela, "a Abrame tem quase mil associados que se orientam por uma perspectiva de olhar os conflitos alheios com isenção, mas entendendo as partes profundamente, estimulando a evolução da sociedade e do homem".
Ainda de acordo com a juíza, os magistrados espíritas, por meio da sua associação, têm se juntado a outros organismos e personalidades da sociedade civil, como a Associação dos Médicos Espíritas (AME) e parlamentares, para atuações em defesa da vida e da dignidade humana. Exemplos recentes foram a audiência no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o aborto de anencéfalos e debates sobre células tronco.

23 de out de 2009

MACRORREGIONAL NORTE 2009 FOI UM SUCESSO!

A MACRORREGIONAL NORTE 2009 foi excelente. Tivemos a alegria de contarmos com a participação dos CRS 15 Jacobina; 17 Juazeiro; 22 Baixa Grande (visita) e 23 Senhor do Bonfim, com representantes das cidades de Jacobina, Senhor do Bonfim, Juazeiro, Baixa Grande, Miguel Calmon, Campo Formoso, Jaguarari, Caem, Teofilândia, São José do Jacuípe e Salvador, totalizando 95 participantes. Foi a primeira experiência do gênero que o movimento espírita de Jacobina sediou.
Na noite de sábado (17), Ruth Brasil Mesquita fez uma palestra com o tema "Identidade Cristã Espírita", no salão do GE Cruzada do Bem - Ótima Palestra (veja post anterior).
















No domingo (18), o Encontro foi realizado no Colégio Estadual Deocleciano Barbosa de Castro (CEDBC). Foram utilizadas 8 (oito) salas, incluindo a sala de multimídia do colégio, onde ocorreu a abertura e o encerramento da Macro; a partir das 07:30hs. da manhã, servimos um café para os que chegavam de outras cidades. Voluntários doaram pacotes de biscoitos, pães, 4 litros de leite, e café; alguns trouxeram frutas e outras iguarias, como bolos. Foi uma delícia. Ficou como cortesia da coordenação. A recepção de boas vindas ficou sob os cuidados da Mocidade Espírita do G.E. Cruzada do Bem. Antes da abertura tivemos uma atividade integrativa comandada pela companheira Lana. Maravilhosa, com direito a voz belissíma de Danilo interpretando a Ave Maria. Logo em seguida, às 08:30hs., iniciamos com a prece, boas vindas (Coordenadores CR´s), ficando após a palavra com Creuza Lage, Diretora FEEB, que explicou como iria funcionar a MACRO. Em seguida distribuiu-se as pessoas para as salas previamente preparadas com o nome do Setor na porta de cada sala (Gestão Federativa - Creuza Lage; Ação Doutrinária - Ruth Brasil; Atendimento Fraterno - Isaura Maciel; Assistência e Promoção Social - Suzana Dias; Arte e Cultura - Edmundo Cezar; Infância e Juventude - Marcus Welby; ESDE - Luiz Alberto e Ação Mediúnica - Carmen Politano). Às 10:30hs. intervalo, lanche pago; 11:00hs. retorno às salas (reunião setorial); Almoço às 12:30hs., com custo de R$ 8,50 cada; às 13:30hs. retornamos às salas; às 15:00hs., todos se dirigiram à sala de multimídia (auditório), para apresentação dos resultados e encerramento às 17:30hs.
Foi muito bom e já deixou saudades.
Em 2010, a Macro Norte acontecerá em Juazeiro (BA). Estão todos convidados. O CR-15 agradece a todos que auxiliaram direta ou indiretamente para com o sucesso do evento.

VEJA ABAIXO MAIS ALGUNS MOMENTOS DA MACRO

















22 de out de 2009

RUTH BRASIL ABRE MACRO NORTE 2009

A Macro Norte 2009, realizada em Jacobina, organizada pelos Cr´s 15, 17 e 23, e participação da Federação Espírita do Estado da Bahia (FEEB), teve seu início na noite do sábado (17), com a palestra da Psicóloga e Psicoterapeuta Ruth Brasil Mesquita, abordando o tema: "Identidade Cristã Espírita", realizada no Grupo Espírita Cruzada do Bem, às 20:00hs.
Mais de 100 pessoas lotaram o salão do Grupo E. Cruzada do Bem, prestigiando a companheira de Salvador, diretora da FEEB. Agradecemos a toda a equipe do Cruzada que se esforçou em preparar todo o ambiente para àquela noite de luz e amor, que deixou saudades nos corações de todos que lá estiveram.

Veja abaixo alguns momentos da palestra.





12 de out de 2009

MACRORREGIONAL NORTE - JACOBINA - 18/10/2009

Está chegando o dia. A Macrorregional Norte 2009 acontecerá dia 18 de outubro em Jacobina, venha, participe e faça parte dessa festa de Luz e Conhecimento.

ENCONTRO MACRORREGIONAL NORTE

JACOBINA – BAHIA

FEEB / CR 15 – CR 17 – CR 23

PROGRAMAÇÃO

LOCAL: CENTRO EDUCACIONAL DEOCLECIANO BARBOSA DE CASTRO – CEDBC – Próximo ao Tiro de Guerra 006

DATA: 17 E 18 DE OUTUBRO DE 2009

SÁBADO: 17/10/2009

20hs. – Palestra Pública

Tema: Identidade Cristã Espírita

Palestrante: Ruth Brasil Mesquita

Local: Grupo Espírita Cruzada do Bem – Rua Cel. Teixeira. 253 – Centro – Próximo ao Centro Cultural de Jacobina

DOMINGO: 18/10/2009

07:30hs. Café da Manhã (cortesia)

08:30hs Boas Vindas (Atividade Integrativa)

Abertura com Mesa Redonda

Palavra dos Coordenadores CR 15/CR 17/CR 23 e Diretora

Integrativa da FEBB, Creuza Lage

09:00hs Reuniões Setoriais

10:30hs Coffee Break ( Lanche vendido)

10:45hs Reuniões Setoriais

12:15hs Almoço (No local) – Valor individual: R$ 8,50 com Suco.

13:15hs Reuniões Setoriais

15:30hs Coffee Break (Lanche vendido)

16:00hs Conclusão das Reuniões Setoriais

16:30hs Reunião Geral para Apresentação de Resultados

17:30hs Encerramento

HOSPEDAGEM: HOTEL VALE DAS SERRAS - Rua Duque de Caxias, s/n, ao lado da Praça do Garimpeiro (ponto de desembarque de ônibus), localizado em cima do Supermercado J. Santos. Distante do local da Macro cerca de 10 a 15 minutos de caminhada. Telefones: 74-8108-3511 (Luís-Gerente) ou 74-3621-7567:

Com AR - R$ 25,00 por pessoa

Com 3 pessoas no quarto, a diária sai por R$ 20,00

Sem AR - R$ 20,00 por pessoa

Com 4 pessoas no AP - R$ 18,00

CONTATOS COM O CR-15 - Fred Santos - (74) 9961-1463

24 de set de 2009

IRECÊ SEDIOU MACRORREGIONAL DA CHAPADA

A espiritualidade e os trabalhadores espíritas das regiões de Irecê, Baixa Grande, Itaberaba e Seabra (CR´s 18, 22, 09 e 14, respectivamente) estiveram em festa de conhecimento e luz no último dia 20, domingo, quando da realização do EMR - Encontro Macro Regional Chapada 2009, este ano, realizada na cidade de Irecê.
O Encontro foi realizado na Sede do Centro Espírita Jesus de Nazaré. Foram utilizadas 8 (oito) salas, inclusive o auditório de palestras, onde ocorreu os encontros setoriais. A partir das 07:30 da manhã foi servido um café para os que chegavam de outras cidades. Voluntários doaram, pacotes de biscoito, pães, 4 litros de leite, Chás e café; alguns trouxeram abacaxis, melancia e mamão.
Na manhã de domingo às 08:30hs., o evento foi iniciado com a prece, boas vindas (Coordenador CR), depois a palavra a Creuza Lage, Diretora FEEB, que explicou como iria funcionar a MACRO. Em seguida distribuiu-se as pessoas para as salas previamente preparadas com nome do Setor na porta de cada sala. O Encontro seguiu durante todo o dia, com intervalos para lanches e almoço, sendo encerrado às 17:30hs.
Na noite de Sábado Ruth Brasil Mesquita fez uma palestra com o tema "Identidade Cristã Espírita".
Participaram da Macro as seguintes cidades:
Irecê, Uibaí, Xique Xique Itaberaba, Morro do Chapéu, Baixa Grande, Ipirá, Mundo Novo, Iraquara, Ibititá, Jussara, Barra do Mendes, Central, São Gabriel e Seabra, totalizando 129 participantes.
Segundo Paulo César, presidente do CE Jesus de Nazaré foi um sucesso e já deixou saudades.

5 de set de 2009

COMUNIDADE ESPÍRITA COMEMORA 178º ANIVERSÁRIO DE BEZERRA DE MENEZES

No último dia 29 de agosto, comemorou-se o 178° aniversário de Bezerra de Menezes, cearense que ficou conhecido como o “Médico dos Pobres”, graças ao trabalho que desenvolveu em prol dos desfavorecidos. Essa história foi transformada em Filme e lançada em DVD, no início do ano, numa parceria entre Trio Filmes, ONG Estação da Luz e Fox Home Entertainment. O DVD do filme Bezerra de Menezes: O Diário de um Espírito foi lançado em Março de 2009 e está disponível nas principais lojas do país. O ator Carlos Vereza protagoniza o longa metragem, dirigido pelos cineastas Glauber Filho e Joe Pimentel. O elenco é formado por Lúcio Mauro, Caio Blat, Paulo Goulart Filho e Nanda Costa, além de um casting de atores cearenses.
Nascido em 1831, no meio do Sertão Cearense, Adolfo Bezerra de Menezes cresceu sob os valores culturais do universo sertanejo, com sua religiosidade cristã e presenciou conflitos provocados pelas injustiças dos poderosos. Médico exemplar, concluiu o curso na Academia Imperial de Medicina, no Rio de Janeiro, onde também iniciou a vida pública, tornando-se Deputado Geral. Os embates e perseguições políticas eram constantes e resultaram na decepção e no abandono de Bezerra de Menezes à carreira Pública.
A dedicação à medicina foi como um sacerdócio. Por conta disso, após o seu desencarne, ficou conhecido como o “Médico dos Pobres”. Apesar de ter descoberto o espiritismo nas últimas décadas de sua vida na Terra, Bezerra de Menezes dedicou-se integralmente à doutrina e unificou os espíritas do País. Disseminou o amor, a caridade e a tolerância ao extremo de sua capacidade.

1 de set de 2009

ESCALA DE PALESTRAS - GE CRUZADA DO BEM

MÊS: SETEMBRO/2009

Dia 1 - Terça: Marcos

Dia 3 - Quinta: Lana

Dia 8 - Terça: Oscar

Dia 10 - Quinta: João Carlos

Dia 15 - Terça: Flavio Rosa

Dia 17 - Quinta: Filme: Amor além da vida

Dia 22 - Terça: Fred Santos

Dia 24 - Quinta: Milton Sena

Dia 29 - Terça: Lala

16 de ago de 2009

MACRO REGIONAL NORTE 2009, VEM AÍ..

O CR-15, em parceria com as casas espírita jurisdicionadas, deu início aos preparativos da Macro Regional Norte, que engloba o movimento espírita das regiões de Jacobina, Juazeiro e Senhor do Bonfim, que será realizada em Jacobina dias 17 e 18 de Outubro de 2009. Em breve divulgaremos a programação e os detalhes para as incrições e participações de todos no evento.
Saiba um pouco mais do que representam as macros regionais:

Objetiva reunir os trabalhadores dos Conselhos Distritais e Regionais em atividades de planejamento, formação e troca de experiências voltadas para a União e Organização do Movimento Espírita na Bahia. Estas reuniões acontecem em Macrorregiões abrangendo varios conselhos. Tem como meta implantar os projetos que: a. Consolidem Comissões Federativas em todos os Conselhos; b. Sensibilizem as lideranças locais à implantação do Plano de Trabalho do Movimento Espírita e da Capacitação Administrativa para Dirigentes Espírita.

30 de jul de 2009

SOMENTE A GRANDE VIDA MERECE A GRANDE MORTE

A transposição de plano, para a nossa mente, é muito morosa, considerando-se as necessidades da preparação que nos cabe, em face à Vida Superior.
Somente a grande vida merece a grande morte.
Além do corpo, não há libertação para quem não se liberta.
O trabalho é desconhecido, para quem não trabalha,
A vida abundante, em relação à qual tão claro foi Jesus nas lições da Boa-Nova, apenas se revela ao coração que se devotou à vida interna, na prática do bem desde aí.
A união espiritual é uma luz somente para aquele que, ainda no corpo, a procura. A nossa esfera aqui é, sobretudo, de continuação ao que teve começo aí.
No círculo físico, as possibilidades de iniciar ou reiniciar são imensas. Aqui, porém, pelo menos nas atividades vizinhas à crosta planetária, a lembrança, a memória, e a ligação mental, impõem prosseguimento.
Assim sendo, tudo aqui é sono ou semi-inconsciência para quem não despertou pelo trabalho ativo, na matéria densa; desagrado, para quem somente tratou de se agradar, no campo emocional menos construtivo, do corpo; angústia, para quem não exercitou a paciência, atenuando as próprias aflições; e desânimo ou perturbação, para quem não aceitou os benefícios da luta ou entravou a marcha dos que buscavam lidar e lutar com nobreza.
Tudo lógico, vivo, natural. Nem poderia ser de outro modo.
Se vocês não criaram interesses de elevação espiritual para a "Terra Próxima", o domicílio do Além será menos interessante do que a "Terra de Agora" para vocês.
É necessário reconhecer que se encontram armados, na arena corporal, para muitas e valiosas conquistas.
Quem mais realiza com o bem, mais aquinhoado de dons divinos será fatalmente, pelas forças que o representam.
Não se esqueçam de que pensamento e ação simbolizam sementeira e crescimento. Os dias se encarregam de amadurecer os frutos, de acordo com a nossa plantação.

pelo Espírito Neio Lúcio - Do livro: Senda para Deus, Médium Francisco Cândido Xavier - Espíritos Diversos.

28 de jul de 2009

ESTUDO ESPÍRITA (1): O CHEFE DO ESPIRITISMO

- O pior de todos os chefes seria o que se desse por eleito de Deus. Como não é racional se admita que Deus confie tais missões a ambiciosos ou a orgulhosos, as virtudes características de um verdadeiro messias têm que ser, antes de tudo, a simplicidade, a humildade, a modéstia, numa palavra, o mais completo desinteresse material e moral. - Allan Kardec

Mas quem será encarregado de manter o Espiritismo nessa senda? Quem terá o lazer e a perseverança necessários a se consagrar ao trabalho incessante que essa tarefa exige? Se o Espiritismo for entregue a si mesmo, sem guia, não será de temer que se desvie da sua rota? e que a malevolência, com a qual ainda estará por longo tempo em luta, não procure desfigurar-lhe o Espírito? É essa, com efeito, uma questão vital e cuja solução se reveste do maior interesse para o futuro da Doutrina. A necessidade de uma direção central superior, guarda vigilante da unidade progressiva e dos interesses gerais da Doutrina, é tão evidente, que já causa inquietação o não ser visto, a surgir no horizonte, o seu condutor. Compreende-se que, sem uma autoridade moral, capaz de centralizar os trabalhos, os estudos e as observações, de dar a impulsão, de estimular os zelos, de defender os fracos, de sustentar os ânimos vacilantes, de ajudar com os conselhos da experiência, de fixar a opinião sobre os pontos incertos, o Espiritismo correria o risco de caminhar ao léu. Não somente essa direção é necessária, como também preciso se faz que preencha condições de força e de estabilidade suficientes para afrontar as tempestades. Os que nenhuma autoridade admitem não compreendem os verdadeiros interesses da Doutrina. Se alguns pensam poder dispensar toda direção, a maioria, os que não se crêem infalíveis e não depositam confiança absoluta em suas próprias luzes, se sentem necessitados de um ponto de apoio, de um guia, ainda que apenas para ajudá-los a caminhar com segurança.
Reconhecida a necessidade de uma direção, de quem receberá poderes o chefe para exercê-la? Será ele aclamado pela universalidade dos adeptos? É coisa impraticável. Se se impuser por sua própria autoridade, uns o aceitarão, enquanto que outros o recusarão, e podem surgir vinte pretendentes, levantando bandeira contra bandeira. Fora ao mesmo tempo o despotismo e a anarquia. Semelhante ato seria próprio de um ambicioso e ninguém conviria menos do que um ambicioso, por isso mesmo orgulhoso, para chefiar uma doutrina que se baseia na abnegação, no devotamento, no desinteresse, na humildade. Colocado fora do princípio fundamental da Doutrina, outra coisa não poderia fazer, senão falsear-lhe o espírito. É o que inevitavelmente se daria, se de antemão se não adotassem medidas eficazes a prevenir esse inconveniente. Admitamos, no entanto, houvesse um homem com todas as qualidades necessárias ao desempenho o seu mandato e que, por uma senda qualquer, chegasse à direção suprema. Os homens se sucedem e não se assemelham; depois de um bom, poderia vir um mau. Com o indivíduo, pode mudar o espírito da direção; sem maus desígnios, pode ele ter modos de ver mais ou menos justos; se entender de fazer que prevaleçam suas idéias pessoais, pode levar a Doutrina a transviar-se, suscitar dissidências e as mesmas dificuldades se renovarão a cada mudança. É preciso não esquecer que o Espiritismo ainda não está na plenitude da sua força. Do ponto de vista da organização, é uma criança que mal começa a andar. Insta, pois, sobretudo no princípio, premuni-lo contra os obstáculos do caminho. Mas, dir-se-á, não virá estar à frente do Espiritismo um dos Espíritos que, segundo foi anunciado, tem que tomar parte na obra de regeneração?
É provável; todavia, como esses Espíritos não trarão na fronte um sinal para serem reconhecidos; como não se farão reconhecer como tais pela maioria, senão depois de terem morrido, conformemente ao que houverem produzido durante a vida; como, ao demais, não serão perpétuos, mister se torna prever todas as eventualidades.É sabido que eles terão uma missão multíplice; que serão de todos os graus da escala espiritual e se encontrarão nos diversos ramos da economia social, onde cada um exercerá influência a favor das novas idéias, conforme a particularidade da sua posição; que todos, pois, trabalharão pelo ascendente da Doutrina, aqui e ali, uns como chefes de Estado, outros como legistas, outros como magistrados, sábios, literatos, oradores, industriais, etc.; que cada um dará provas de si onde lhe caiba exercer sua atividade, desde o proletário até o soberano, sem que qualquer coisa os distinga do comum dos homens, a não serem suas obras. Se a um deles couber tomar parte na direção, é provável que seja posto providencialmente na posição apropriada a fazê-lo chegar lá pelos meios legais que forem adotados; circunstâncias aparentemente fortuitas até lá o conduzirão, sem que de sua parte haja desígnio premeditado, sem mesmo ter ele consciência de sua missão. (Fonte: Revista Espírita: «Os messias do Espiritismo», fevereiro-março de 1868, páginas 45 e 65.)

23 de jul de 2009

PALESTRAS NO G.E. CRUZADA DO BEM - AGOSTO

Divulgamos escala de palestras do Grupo Espírita Cruzada do Bem (Jacobina), para o mês de Agosto/2009:
04/ terça feira /Oscar
06/quinta feira / Lana
11/terça feira / João Oliveira - Baixa Grande
13/quinta feira /Filme: Joelma 23o Andar
18/terça feira / Fred Santos
20/quinta feira / João Carlos
25/terça feira /Osmar Monte Santo
27/quinta feira / Marcos Pessoa

20 de jul de 2009

DIRETRIZES PARA GESTÃO ADMINISTRATIVA – 2009


Nossa prioridade é estabelecer a supremacia do espírito sobre a matéria e realizar no mundo a experiência de viver em torno da presença divina.Nossas ações deverão contemplar quatro dimensões:

Dimensão da sacralidade – Toda atividade deve nos tornar mais próximos do transcendental, do espiritual e do sagrado. Assim, todo espaço de atuação será percebido como um templo.

Dimensão da sabedoria – Devemos nos enriquecer de conhecimento no seu sentido original de saber e de experiência, em tudo que realizarmos. Assim toda ação terá um caráter de produção de conhecimento e toda atividade será educativa. Num sentido amplo, estaremos cursando a nossa universidade.

Dimensão organizacional – Toda atuação será um empreendimento, e como tal se organizará, levando em conta as suas fases, os seus processos, seus resultados e sua avaliação. Em sentido lato, estaremos construindo nossa empresa.

Dimensão comunitária – O senso gregário e unificador nos remete à necessidade de atuarmos em comunidade. Assim, é essencial transitarmos entre o individual e o coletivo nas ações e propósitos, para criarmos ou aperfeiçoarmos os laços pessoais e institucionais.

Nossa linguagem se caracterizará pela avaliação não-julgadora, ênfase nos estágios evolutivos e seu transformismo e dará relevância aos processos e às metas delineadas. Nosso planejamento contemplará uma análise do estado atual, uma projeção do futuro, uma definição de meios e ações, um modo de acompanhamento de desempenho e um indicador de sucesso.Nossa relação com a comunidade de espíritas identificará ações de acolhimento, fixação em tarefas, agregação em grupos, através da sensibilização pelo diálogo, da percepção dos talentos e aproveitamento das diferenças.
Para viabilizar tais diretrizes, enfatizaremos a importância e pertinência de que o associado efetivo e representante da associação federada: -Estudem a possibilidade de participação de um grupo de aperfeiçoamento pessoal, preferencialmente, na sede da FEEB.-Reforcem o hábito de leitura, produção e divulgação do saber espírita, tendo como referência metodológica a transdisciplinaridade do Espiritismo proposto originalmente como Ciência - Filosofia - Religião.-Estejam engajados no trabalho federativo através de uma diretoria e colaborem nos processos de gestão financeira e administrativa.-Constituam-se uma referência para agregar a comunidade de espíritas em torno da rede federativa.

André Luiz Peixinho
Diretor Presidente- FEEB

CR-15 TEM COORDENADORES ELEITOS

O Conselho Regional 15 (Jacobina) elegeu sua coordenação no último dia 31 de maio de 2009, para o triênio 2009/2012. Veja como ficou a coordenação:
JACOBINA - Fred Santos - Coordenador Geral
CAÉM - Beto Gomes
CALDEIRÃO GRANDE - Maria da Glória Guirra
MIGUEL CALMON - Luiz Oliveira
FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO ESTADO DA BAHIA - FEEB.
CONSELHO REGIONAL FEDERATIVO 15/JACOBINA

ATA DA ELEIÇÃO DOS MEMBROS DO CR-15 / JACOBINA

Às onze horas do dia trinta e um do mês de maio do ano de dois mil e nove, na cidade de Jacobina-BA, e na Sede do Grupo Espírita Cruzada do Bem, situado na Cel. Teixeira, 253, Centro, reuniram-se os Representantes dos Centros Espíritas jurisdicionados a este CR-15, formando, assim, a Assembléia dos representantes, para atenderem convocação contida em Edital, publicado na Internet e remetido a todos os Centros acima referidos, a fim de elegerem e empossarem os novos integrantes, (Coordenadores e Gestores) deste CR-15, para o triênio 2009/2012. Assumindo a direção dos trabalhos, o Coordenador Geral, Fred Santos, proferiu a Prece inicial, finda a qual verificou o quorum da assembléia, registrando-se a presença dos Representantes das seguintes Sociedades Espíritas: Grupo Espírita Cruzada do Bem, União Espírita de Jacobina, Centro Espírita Gotas de Luz (Caldeirão Grande), notando-se a ausência dos Grupos de Serrolândia, São José do Jacuípe, Miguel Calmon e Caem. Prosseguindo com a Pauta, o Coordenador Geral procedeu à leitura das atividades do ano de 2008, visto que o relatório de 2007, já foi apresentado a essa assembléia no final desse ano. Depois o Coordenador Geral inquiriu da assembléia se havia alguma chapa legalmente composta para concorrer e como não havia, colocou seu cargo à disposição da mesma, o que não foi aceito e assim sendo, o Coordenador pediu que quem quisesse participar da mesma deixava todos a vontade, apenas pedindo que, se possível, colocasse um representante por cada cidade. Desta maneira, a nova chapa ficou assim constituída: Coordenador Geral: Alcifrede Silva dos Santos, de Jacobina; Gestor Financeiro: Beto Gomes, do Centro Espírita de Caem; Gestora Administrativa: Maria da Glória Guirra, do Centro Espírita Gotas de Luz, de Caldeirão Grande e, posteriormente, foi incluído o companheiro Luiz Oliveira, do Grupo Espírita Alfabeto Divino, de Miguel Calmon, como Coordenador de Orientação e Qualificação Doutrinária. Colocada esta chapa em votação, foi a mesma eleita por unanimidade dos representantes das Casas Espírita presentes, tendo os seus membros tomado posse imediatamente nos seus cargos, cujo mandato expira em 31 de maio de 2012. Na seqüência, o Coordenador Geral franqueou a palavra, e como ninguém quisesse fazer uso da mesma, agradeceu a presença de todos, solicitou ao representante da UEJ, Fábio Andrade que fizesse a prece de encerramento, e, após, deu por encerrada a reunião, da qual foi lavrada esta ata, que lida e achada conforme, vai assinada por todos e por mim, Maria da Glória, Gestora Administrativa, que a escrevi e assino. (assinados) – Alcifrede Silva dos Santos, Beto Gomes, Fábio Andrade (UEJ), Luiz Oliveira.
Jacobina-BA, 31 de maio de 2009

19 de jun de 2009

TVCE VIA SATÉLITE, SINTONIZE A TV ESPÍRITA EM SUA CASA

TVCEI VIA SATÉLITE - O acontecimento espírita do ano. Você já imaginou ter o maior conteúdo espírita da TV brasileira no conforto do seu lar? O dia 17 de junho de 2009 acaba de entrar para a história do Espiritismo. Após três anos fazendo televisão espírita pela internet, a TVCEI inicia as suas transmissões via satélite para todo o Brasil e América do Sul pelo sistema digital. Com uma programação variada e uma linguagem moderna e dinâmica, trouxemos todo o potencial que a tecnologia nos oferece em prol da divulgação do Espiritismo. Essa é mais uma conquista do Conselho Espírita Internacional, dos milhares de internautas que nos acompanham mas, principalmente, da Doutrina Espírita que ganha finalmente o seu canal de TV.
Quer saber como captar nosso sinal?
ACESSE ESTE LINK: http://www.tvcei.com/sat/


15 de jun de 2009

PROPOSTAS PARA O MOVIMENTO ESPÍRITA


A proposta básica para o movimento espírita é se adequar às realidades científicas e culturais dos tempos que correm. Não sendo uma religião com as características das religiões tradicionais, dogmáticas, irracionais, o Espiritismo tem de estar sempre se atualizando, senão será ultrapassada e virará um fóssil anacrônico, como as religiões tradicionais que, em pleno terceiro milênio, querem manter crenças e conceitos morais próprios das tribos Semitas de três mil e quatrocentos anos atrás.
O movimento espírita deve se abrir para o novo, discutindo as novas aquisições científico-culturais, que estão revolucionando a vida e o pensamento humanos. Não é possível, por exemplo, que numa sociedade onde os relacionamentos afetivos foram transformados, por causa da libertação sexual e econômica da mulher, se continuar a fazer proposições em cima de valores comportamentais, que já foram abandonados, e que se tornaram obsoletos. A família tradicional somente existe como um fato extemporâneo, pois o que acontece atualmente são as famílias de grande rotatividade, em que existem as trocas de parceiros, com crescente rapidez.
Esses fatos têm de ser estudados e entendidos, dentro do momento sócio-cultural, e não com posições próprias do século XIX e da primeira metade do século XX.
No campo científico, vivemos o império da Teoria da Relatividade e da Física Quântica, não há porque se continuar a cultivar os conceitos ultrapassados do mecanicismo e da Física pré-atômica.
Insistir no conceito de causa e efeito, quando se sabe que o universo apresenta fenômenos acausais, ambíguos e completamente fora dos padrões do pensar científico tradicional. Quando a Psicologia, em suas diversas linhas, desvenda aspectos do universo psíquico, oferecendo ao ser humano condições de lidar com os conflitos que lhe causam angústias e desesperos, não se pode querer enquadrar o comportamento humano em crenças que reprimem e sufocam, por estarem em antagonismo com a realidade do cotidiano interno e externo. Como disse anteriormente, querer aplicar ao mundo do terceiro milênio as normas morais e culturais do horizonte agrícola, da humanidade.
Minha proposta básica é que os “congressos espíritas” deixem de ser “encontros fraternos”, em qualquer compromisso com o desenvolvimento doutrinário, e se transformem em “Congressos”, com inicial maiúscula, onde não se tenha medo de confrontar o novo, de se abrir para o debate livre e franco das idéias.
Paralelo a isso, que as Federações Espíritas deixem de ser Centros Espíritas, competindo com os seus “teoricamente” federados, para se transformarem em instituições de apoio técnico e cultural dos seus afiliados, bem como, criarem “colóquios”, e encontro de debates de idéias e propostas, que venham a contribuir para um revigoramento do movimento espírita, em seus diversos aspectos. Como se vê, eu não tenho propostas, mas uma proposta:

Mudemos já, para não fossilizarmos!
Djalma Argollo


E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTE TEXTO? COMENTE...

5 de jun de 2009

TEMAS DA CRÍTICA - SINAL VERDE

Procure silenciar onde você não possa prestar auxílio.

A vida dos outros, qual se afirma na expressão, é realmente dos outros e não nossa.

Devo compreender que o erro de outrem, hoje, talvez será o meu amanhã, já que nas trilhas evolutivas da Terra todos somos ainda portadores da natureza humana.

O tempo que se emprega na crítica pode ser usado em construção.

Toda vez que criticamos alguém, estamos moralmente na obrigação de fazer melhor que esse alguém a tarefa em pauta.

Anote: em qualquer tempo e situação os pontos de vista e as oportunidades, os recursos e os interesses, o sentimento e a educação dos outros são sempre muito diversos dos seus.

Criticar não resolve, porque o trabalho da criatura é que lhe determina o valor.

Quem ama ajuda e desculpa sempre.

Não condene, abençoe.

Lembre-se: por vezes, basta apenas um martelo para arrasar aquilo que os séculos construíram.

Chico Xavier - Andre Luiz - Sinal Verde

ESPAÇO ESPÍRITA - DIVULGAÇÃO

Amigos, eu estava pesquisando por palestras na Net e me deparei com esse fantástico site. Fiquei impressionado com a quantidade de palestras existente nele.
Para que tenham idéia, para cada 8 a 10 questões do livro dos espíritos há uma palestra. Agora basta ouvir e avaliar.

Naveguem a vontade. LINK: http://www.espaco.espirita.nom.br/

1 de jun de 2009

PALESTRAS NO CRUZADA DO BEM - JUNHO-2009

TERÇA FEIRA 02/06/09
BETO GOMES

QUINTA FEIRA 04/06/09
FILME 19:30hs (MINHA VIDA NUMA OUTRA VIDA)

TERÇA FEIRA 09/06/09
JOÃO OLIVEIRA - BX. GRANDE

QUINTA FEIRA 11/06/09
JOÃO CARLOS

TERÇA FEIRA 16/06/09
FRED SANTOS

QUINTA FEIRA 18/06/09
MARCOS

TERÇA FEIRA 23/06/09
GILKA

QUINTA FEIRA 25/06/09
MILTON

TERÇA FEIRA 30/06/09
OSCAR

AS PALESTRAS ACONTECEM SEMPRE AS 20HS.

27 de mai de 2009

PAIS ESPÍRITAS E A EVANGELIZAÇÃO INFANTIL


Tema muito importante para os pais espiritas é o da evangelização infantil para seus filhos. Duvida frequente para eles é como conduzir esta tarefa, qual a melhor atitude a tomar diante desta realidade? O médium Divaldo Franco, com sua larga experiência de quase 50 anos no trato com crianças, face sua obra sócio-educacional Mansão do Caminho, que atende hoje, por dia, três mil pessoas, foi perguntado a respeito e, sob a inspiração dos Benfeitores Espirituais, apresentou valiosas considerações:

“Aos pais cabe a observação das tendências, da natureza dos seus filhos para bem orientá-los e despertarem nos mesmos as qualidades que se contrapõem aos defeitos". Entretanto, isso deve ser feito quando os filhos são muito pequenos, e é justamente quando os pais são mais inexperientes, menos maduros. Então, quando vemos os resultados, o tempo já passou. Como agir? Por mais imaturos que sejam os pais, há, entre eles e os filhos, o largo período que já viveram. Se por acaso, por inexperiência, não orientamos bem o filho na primeira infância, é sempre tempo de começar, porque estamos sendo educados até a hora da própria desencarnação. Os pais que não lograram encaminhar bem os seus filhos, porque lhes faltava o equilíbrio do discernimento, quando se estava no período da formação da personalidade, podem recomeçar em qualquer instante, de maneira suave, perseverante e otimista através do exemplo e da vivência do amor.

Os pais podem ajudar com a evangelização no lar, sobretudo pela exemplificação, que é a melhor metodologia para que se inculquem as idéias que desejamos penetrem naqueles que vivem conosco. Se examinarmos Jesus, Ele disse muito menos do que viveu e viveu muito mais do que falou.

O lar é a escola do exemplo. Quando o filho da aula de evangelização e encontra os pais em casa irritados, reclamando, blasfemando, lentamente considera aquilo que acaba de ouvir na Escola Espirita, que é o Centro, uma teoria agradável como toda e qualquer outra, mas tão inócua que não modificou nem mesmo aqueles que o levam a recebê-la. Daí o lar ser um laboratório de exemplificação daquilo que o centro espirita ensina.

ACONTECE, TODOS OS DOMINGO, ÀS 09HS., NO G. ESPÍRITA CRUZADA DO BEM, EM JACOBINA, A EVANGELIZAÇÃO INFANTIL. PARTICIPE!

18 de mai de 2009

FILME SOBRE A VIDA DE CHICO XAVIER

O diretor Daniel Filho convidou a atriz Glória Pires para fazer parte do elenco do filme sobre a vida do espírita Chico Xavier. Atualmente ela filma o longa-metragem sobre a história do presidente Lula, mas pode interpretar a mãe do maior médium brasileiro. Chico, como é tratado pelos espíritas, desencarnou em 2002 aos 92 anos deixando mais de 420 obras psicografadas.

Também convidado para atuar no filme, o ator Nelson Xavier se emociona quando fala do médium. Nelson viajou para Pedro Leopoldo e Uberaba, em Minas Gerais, onde Chico nasceu e morou e declarou que tudo isso o relembra sua mãe, que desencarnou há 10 anos e era espírita. O fime deve estrear em 2 de abril de 2010, quando Chico completaria 100 anos, e já começa a ser rodado neste mês de maio (2009).


Fonte: http://www.bahiaespirita.com.br/

13 de mai de 2009

ENTREVISTA - MARCEL CADIDÉ

Em entrevista ao Blog do CR-15, Marcel M. Cadidé fala sobre sua passagem pela FEEB, do movimento espírita em geral e do Espiritismo, para os leitores.
Marcel Cadidé Mariano, 44 anos de idade, natural de Juazeiro/Ba.; Bel. em Direito pela UCSal – Universidade Católica do Salvador e Professor licenciado em História pela FFPP – Faculdade de Formação de Professores de Petrolina/PE.; Assistente Jurídico do Menor lotado na 1ª Vara da Inf/Juventude de Salvador/Ba.; funcionário público concursado do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia; Ex-Diretor de Integração Federativa da FEEB – Federação Espírita do Estado da Bahia; médium e expositor espírita; trabalhador do “Centro Espírita Sementes de Luz”, na cidade do Salvador/Ba.
CR-15: Ao concluir suas gestões como Diretor Federativo da FEEB, qual o balanço que você faz desse período?
Marcel Cadidé: Período positivo e imensamente compensador. Pude ampliar, e muito, minha lente de observação sobre o Movimento Espírita Baiano, pois percorrir mais de uma centena de municípios nesses seis anos em que estive à frente da Diretoria de Integração Federativa da FEEB, nos quais pude visitar centenas de Instituições Espíritas, tanto na Bahia quanto em outros Estados. Estabelecemos como meta na primeira gestão (2003/2006) o slogan "a FEEB mais perto de você", pelo que foram desenvolvidas ações e projetos para que a FEEB estivesse mais próxima dos Centros Espíritas e dos seus trabalhadores e dirigentes, o que resultou num número recorde de adesões (mais de 35 nesse período); já na segunda gestão (2006/2009), nos valemos do slogam kardequiano "Trabalho, Solidariedade e Tolerância" , aprofundando esses relacionamentos conquistados na gestão primeira, sendo que chegamos a um total de 56 instituições aderindo formalmente à FEEB, o que demonstra que quem estava distante aproximou-se, permutando experiências novas. Estivemos em todos os encontros da Comissão Regional Nordeste e no Conselho Federativo Nacional, trocando idéias com os demais trabalhadores e dirigentes de outros Estados da Federação, o que foi deveras enriquecedor. Saí da Vice-Presidência da FEEB agora em Abril de 2009 extremamente enriquecido com esses seis anos de contato com o Movimento Espírita via FEEB, o que vai continuar agora sem o peso da responsabilidade do transitório cargo, ora sob os ombros firmes de nossa Creuza Lage.
CR: - O movimento espírita baiano tem sérias dificuldades de organização e administrativas. Como a FEEB atuou junto as estas questões?
MC - Concordo. No tocante à organização muitas instituições estão vivendo de passado, como se fossem museus do Espiritismo - seus dirigentes desconhecem informática, não existe computador ou telefone no Centro, ainda persiste o nome "tesouraria" para uma atividade meramente financeira e as secretarias, de modo geral, não funcionam, pois que não se responde aos expedientes e cartas que chegam pelos correios. No tocante às administrações, já temos Assembléias Gerais mais conscientes, impedindo pelo voto livre o acesso de ditadores e déspotas ao cargo de presidentes, havendo uma maior conscientização de que todos nós somos responsáveis pelo destino da Casa Espírita em que militamos, não tão somente o dirigente máximo da Diretoria Executiva. O papel da FEEB foi o de fortalecer essa nova geração, abrindo eventos para discussões coletivas acerca de um Centro Espírita antenado com as necessidades de seus frequentadores, propondo métodos mais eficazes de gestão administrativa, como o CADE (Capacitação Administrativa para Dirigentes Espíritas), para que os Centros não colidam com as leis ora em vigor no país, leis essas na sua maioria desconhecidas dos dirigentes.
CR - Qual a sua visão do movimento espírita brasileiro e mundial? O Espiritismo tem avançado nas mentes e corações humanos?
MC - No Brasil, o Movimento Espírita se expande dia a dia. Estou completando 28 anos de pregação espírita ininterrupta (1981/2009), já tendo viajado por quase todos os Estados da Federação, pelo que falo com conhecimento de causa. Mas esse crescimento pode nos custar (e já está nos custando) um preço muito alto - perda da qualidade, porque tudo aquilo que cresce em quantidade tende a perder contato com a qualidade, divorciando-se de sua essência. O próprio Cristianismo pagou esse preço e o que temos hoje em dia pouco reflete a mensagem de Jesus, tão maculada está pelo dedo viciado dos homens, com suas taras e vícios. No aspecto mundial, o CEI - Conselho Espírita Internacional tem feito um trabalho extraordinário, credor de nossa reverência e respeito, já tendo agregado cerca de trinta países, havendo promessa de que outros vão aderir ao movimento de expansão dos ideais espiritistas, sendo que tais iniciativas são geralmente movidas por brasileiros residentes no exterior. Estou em oração por esse êxito.
CR - Qual a sua expectativa para o movimento espírita baiano nos próximos 3 anos?
MC - As melhores possíveis. Sob a batuta de André Luiz Peixinho, atualmente Diretor Presidente da FEEB, esta deve avançar muito em setores que não nos possível aprofundar nos seis anos que ora se findaram, sendo que parte da equipe que atuava na gestão anterior permaneceu e permanece extremamente compromissada com o avanço dessas propostas. Deve ele buscar a auto-sustentabilidade financeira da FEEB, que é um dilema que todo os presidentes enfrentaram e hão de enfrentar, bem como o redimensionamento dos atuais Conselhos, sejam eles Regionais ou Distritais em todo o Estado, já que eles não mais refletem a dimensão territorial da Bahia após quase quarenta anos de sua criação. Estou ao lado de Creuza como parceiro e colaborador para continuar essa idéia que não vingou inteiramente porque não tivemos tempo para implantá-la integralmente.
CR - Percebe-se que os jovens tem se afastado das casas espíritas. Qual a sua opinião sobre isto e quais seriam as ações visando reverter este quadro?
MC - Todas as federativas do Brasil acusam este problema, que é nacional. Todos estamos preocupados com o afastamento da criança e do jovem da Casa Espírita, e estamos empenhados em diagnosticar as causas, minorando essa hemorragia infanto-juvenil, até porque sem jovens atuando no Movimento não pode e não haverá renovação das lideranças atuais, que vão envelhecendo e pela idade mostram-se refratárias às mudanças, sendo importante que o jovem esteja presente e inserido nesse contexto para assumir essa funções quando os mais antigos estiverem de retorno ao mundo espiritual. As CONJEB's, promovidas pela FEEB a cada dois anos, tem procurado trabalhar esse desafio na sua matriz, convocando as juventudes atualmente existentes e em pleno funcionamento para uma reflexão conjunta sobre esse palpitante assunto. As respostas podem estar a caminho.
CR - O mundo convive atualmente com notícias envolvendo violência, pedofilia, corrupção, crimes, etc. Como o Espiritismo e os Espíritas podem auxiliar no combate as essas mazelas sociais?
MC - Sendo hoje melhor do que ontem e amanhã melhor do que hoje. Não posso mudar ninguém, mas posso mudar a mim mesmo. Todas essas tragédias sempre ocorreram e vão continuar ocorrendo, mas precisamos viver pacificamente ao lado do escândalo sem nos escandalizarmos, nem nos tornarmos instrumentos infelizes dessas ocorrências perturbadoras, já que, conforme disse Jesus certa ocasião, quem venha a promovê-los por eles se tornará responsável. Optemos pela posição de vítimas, quando possível, jamais de algozes. O conhece-te a ti mesmo continua atual e poouco conhecido, pelo que considero que será por esse caminho milenar que vamos reverter esse quadro ainda tão inquietante, a nos cercar cotidianamente.
CR - Deixe uma reflexão para os leitores do Blog do CR-15.
MC - A quem nos venha ler, rogamos desculpas se nosso pensamento não seja compreendido de imediato, bastando que cada um reflita o lido e medite o vivido, buscando acertar mais e errar menos na vida relações afetivas, a fim de que possamos todos juntos construir uma sociedade mais justa e fraterna, tanto para nós quanto para nossos filhos e demais descendentes. Muito obrigado pela oportunidade. A todos, nossos cordiais votos de muita paz.

1 de mai de 2009

FEEB TEM NOVO PRESIDENTE

EM ELEIÇÃO REALIZADA NESTE DOMINGO, 26/04, FORAM ELEITOS OS NOVOS CONSELHEIROS DELIBERATIVOS, E ENTRE ESTES A NOVA DIRETORIA EXECUTIVA. SENDO ESCOLHIDO PELO CONSELHO E APROVADO PELA ASSEMBLEIA A INDICAÇÃO DE ANDRÉ LUIZ PEIXINHO PARA DIRETOR PRESIDENTE. VEJA ABAIXO COMO FICOU A NOVA DIRETORIA:

Diretor-presidente: André Luiz Peixinho
Assessor de Comunicação Social:
Assessor de Planejamento:
Assessora Jurídica: Maria da Conceição de Campos Vieira
Diretor de Integração Federativa: Creuza Santos Lage
Diretor Financeiro: Luciano Crispim de Jesus
Diretor de Arrecadação: Miriam Farias da Paixão Quariguazi
Diretor da Sede Federativa: Edinólia Pinto Peixinho
Diretor da Sede Seccional: Suzana Bernardes Dias
Diretora de Qualificação e Orientação Doutrinária: Ruth Brasil Mesquita
Coordenadora de Infância e Juventude (CIJ): Nélia Georgina Salles
Coordenadora de Ação e Promoção Social (CAPS):
Coordenador do Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita (ESDE): Euzébio Raimundo da Silva
Coordenador de Ação Doutrinária (CAD): James Nei S. da Silva
Coordenador de Ação Mediúnica (CAM): Carmen Rita Machado Politano

27 de abr de 2009

ELEIÇÃO DO CR-15 ACONTECE EM MAIO

Seguindo cronograma da FEEB, publicamos abaixo Edital de Convocação da eleição dos membros do Conselho Regional, área 15, com sede em Jacobina (BA). O CR-15 terá 5 membros. A eleição acontecerá no dia 31 de maio de 2009.



EDITAL DE CONVOCAÇÃO




O Coordenador Geral do Conselho Regional 15 (Jacobina), órgão da Federação Espírita do Estado da Bahia – FEEB, com amparo no Estatuto da FEEB, artigo 67, Regimento Único dos Conselhos, artigo 11, inciso VI c/c Parágrafos 1º e 2º, bem como a Resolução 02/09, lavrada pelo Egrégio Conselho Deliberativo da FEEB na sua reunião de 24.01.2009, expede o presente EDITAL, convocando todos os dirigentes espíritas, representantes das Instituições adesas ou não à FEEB para que tomem ciência de que se realizarão eleições para renovação dos quadros de Coordenação do respectivo Conselho, evento este que se dará conforme dados abaixo:

1) As eleições serão realizadas até a data limite de 31 de Maio de 2009, tendo sido fixado prazo para expedição do presente Edital – 30 dias de antecedência da eleição – estando as eleições deste Conselho convocadas para a seguinte data e horário, bem como local:

2) Data da eleição: 31.05.2009 - Domingo
3) Horário de início: 09:00hs.
4) Local: Grupo Espírita Cruzada do Bem à R. Cel. Teixeira, 253, Centro - Jacobina.
5) Ordem do dia:
5.1 – Leitura de mensagem evangélica e prece de abertura;
5.2 – Apresentação do relatório do anuênio 2008/2009 pela atual Coordenação à Assembléia de Representantes, que apreciará seus resultados;
5.3 – Apresentação da (s) chapa (s) candidata (s) à eleição (ou reeleição) para o triênio 2009/2012;
5.4 – Eleição – se houver chapa única, será por aclamação da Assembléia de Representantes; em havendo mais de uma chapa, serão providenciadas pela atual Coordenação cédulas de votação, para que o pleito se dê por escrutínio escrito e secreto;
5.5 – Posse dos eleitos, com lavratura da ATA respectiva;
5.6 – O que ocorrer.

Todas as instituições espíritas estão convocadas para a presente eleição, cabendo apenas às Casas adesas à FEEB o direito de voto no presente pleito.

E para tanto, expede o presente Edital com 30 (trinta) dias de antecedência da eleição, devendo o mesmo chegar ao conhecimento de todos os dirigentes espíritas sob jurisdição deste órgão da FEEB.

Jacobina (BA), 27 de abril de 2009.


Fred Santos
Coordenador Geral